destaques
conteúdo
publicidade
curtas

Guia Fantástico de São Paulo é lançado na Banca Tatuí +

O Guia Fantástico de São Paulo, da espanhola Ángela León, é lançado em 04/04/15, às 15h30, na Banca Tatuí. A publicação é um projeto editorial com formato de guia turístico ilustrado, que mistura realidade e ficção e busca refletir sobre a cidade e suas idiossincrasias, como alternativas positivas à realidade, conhecer São Paulo e valorizar todo o seu potencial. Na ocasião ocorrem músicas, projeções e frutas de estação.
|
Mais informações:
Banca Tatuí
Santa Cecília: R. Barão de Tatuí, 275.
www.facebook.com/guiafantasticodesaopaulo | www.facebook.com/bancatatui

Grupo de Estudos discute a história das exposições na Casa do Povo +

A Casa do Povo promove encontros quinzenais às segundas-feiras, às 11h, com o objetivo de debater temas relacionados ao novo campo disciplinar da história das exposições. O grupo de estudo organizado pela pesquisadora Mirtes Marins de Oliveira junto com Ana Maria Maia e Sybil Douek. Os interessados devem se inscrever através do e-mail: historiasdasexposicoes@gmail.com
|
Mais informações:
Casa do Povo
Bom Retiro: r. Três Rios, 252, próximo à estação Tiradentes do Metrô. www.casadopovo.org.br

AVAF, Sonia Gomes, Fábio Carvalho e outros brasileiros no exterior +

Marcos Coelho Benjamim participa de exposição coletiva na Galerie Agnès Monplaisir (www.agnesmonplaisir.com), em Paris, de 20/3 a 18/4.
|
O coletivo AVAF - Assume Vivid Astro Focus (Casa Triângulo; São Paulo / SP) realiza intervenções no CAC (Contemporary Arts Center), em Cincinnati (EUA). O museu ocupa o primeiro edifício da arquiteta Zaha Hadid nos Estados Unidos. O trabalho “Axiomatic Verve Across Fenestrations (Contagious)” é um enorme adesivo na fachada do prédio que reproduz detalhes, como janelas e portas, de fachadas de edifícios abandonados na cidade. “Ambivalent Virus Affection Facelift (Contagious)” é uma nova versão de “Contagious”, um sinal em neon exibido primeiramente em Nova York em 2003 que estará na entrada do edifício. Já “Arousing Vascular Apparatus Fury (Contagious)” é um papel de parede de tubos elétricos coloridos que cobre uma ampla parede no lobby do museu e também a escada que leva ao subsolo do CAC.
|
Eduardo Berliner e Alexandre da Cunha participam da mostra “Pangaea II: New Art from Africa and Latin America” na Saatchi Gallery, em Londres, de 11/3 a 6/9.
|
Vik Muniz e Mariana Palma participam da coletiva “Piece by Piece: Building a Collection”, de 30/1 a 26/4 no Kemper Museum of Contemporary Art, em Kansas City (EUA).
|
Frederico Filippi (Athena Contemporânea; Rio de Janeiro / RJ) participa de residência de 08/03/15 a 23/04/15 na Kiosko Galería, em Santa Cruz de la Sierra (Bolívia).
|
Albano Afonso (Casa Triângulo; São Paulo / SP) ganha a exposição panorâmica “Self Portrait as Light” de 20/3 a 30/8 no CAC (Contemporary Arts Center) e no 21c Museum Hotel, ambos em Cincinnati (EUA), localizados lado a lado. São fotografias, instalações, esculturas e projeções de diferentes séries e momentos da carreira do artista, incluindo dois trabalhos feitos especialmente para os museus – intervenções dentro e fora dos edifícios. As obras exploram questões como o autorretrato e o uso e a investigação da luz. A curadoria é de Steven Matijcio e Alice Gray Stites.
|
O Center for Curatorial Studies e o Hessel Museum of Art, ambos no Bard College, centro de estudos localizado em Annandale-on-Hudson, no Estado de Nova York, promove entre 29/3 e 2/5 a mostra “Point of Contact”, que conta com a presença do brasileiro radicado na Suíça Pedro Wirz, Gordon Hall, Martin Roth e Naama Tsabar. A curadoria é de Xavi Acarin.
|
A galeria Alberto Baronian, em Bruxelas (Bélgica), apresenta entre 12/3 e 18/4 a mostra “Jac Leirner”, que não apresenta nenhuma obra da artista, mas sim de Adriano Costa, Gabriel Lima, Amadeo Luciano Lorenzato, Max Ruf, Erika Verzutti e Pedro Wirz. http://albertbaronian.com
|
A brasileira Sonia Gomes e o sueco radicado no Brasil Runo Lagomarsino estão selecionados para a mostra principal da Bienal de Veneza, intitulada “All the World’s Futures”, curadoria de nigeriano Okwui Enwezor. A Bienal de Veneza acontece entre 9/5 e 22/11.
|
A The Fruitmarket Gallery, em Edimburgo, na Escócia, realiza até 25/5 a exposição “Possibilidades do Objeto”, com curadoria do carioca Paulo Venâncio Filho. A mostra conta com obras de Artur Barrio, Waltércio Caldas, Sergio Camargo, Aluísio Carvão, Amílcar de Castro, Willys de Castro, Lygia Clark, Antonio Dias, Fernanda Gomes, Jac Leirner, Antonio Manuel, Cildo Meireles, Ernesto Neto, Hélio Oiticica, Lygia Pape, Mira Schendel, Tunga e Carlos Zilio.
|
A brasileira radicada na Dinamarca Tamar Guimarães (Galeria Fortes Vilaça) realiza a mostra individual “The Florists Beyond the Grave”, no SKMU - Sørlandets Kunstmuseum, em Kristiansand (Noruega) entre 12/3 e 24/5.
|
Claudia Bakker realiza exposição individual na Casa-Museu Medeiros e Almeida, em Lisboa (Portugal), entre 10 e 28/3. http://www.casa-museumedeirosealmeida.pt
|
Nelson Leirner, Wanda Pimentel, Antonio Manuel, Ana Maria Maiolino, Raimundo Colares, Antônio Dias e Antonio Henrique Amaral estão presemtes na mostra Internacional Pop, que o Walker Art Center (Mineapolis, EUA) organiza entre 11/4 e 29/8/15 e que reúne 140 obras de 14 países. A mostra inclui ainda trabalhos de Evelyne Axel, Peter Blake, Rosalyn Drexler, Erró, León Ferrari, Richard Hamilton, David Hockney, Jasper Johns, Tanaami Keiichi, Yves Klein, Jirí Kolár, Yayoi Kusama, Marisol, Marta Minujín, Claes Oldenburg, Michaelangelo Pistoletto, Sigmar Polke, Gerhard Richter, Mimmo Rotella, Ed Ruscha, Niki de Saint Phalle, Okamoto Shinjiro, Yokoo Tadanori, Wayne Thiebaud, Jean Tinguely,Shinohara Ushio e Andy Warhol. Em 2016, a mostra segue para o Dallas Museum of Art e para o Philadelphia Museum of Art. A curadoria é de Darsie Alexander e Bartholomew Ryan.
|
Jac Leirner e Cinthia Marcelle participam da 12ª Sharjah Biennial, cujo tema é “The Past, the Present and the Possible”. Em cartaz de 5/3 a 5/6.
|
Paulo Climachauska e Sandra Cinto estão na mostra coletiva “A Coleção da Fundación Barrié”, que fica em cartaz até 26/4 no Centro Cibeles de Cultura y Ciudadanía, em Madri (Espanha). A mostra conta ainda com obras de Adrian Schiess, Ángela de la Cruz, Jean-Marc Bustamante, Carlos Irijalba, Curro González, Fabián Marcaccio, Fiona Rae, Frank Nitsche, Gil Heitor Cortesão, Gunther Forg, Helmut Dorner, Herbert Brandl, Ignasi Aballí, Imi Knoebel, Jessica Stockholder, João Penalva, Jonathan Lasker, José Pedro Croft, Katharina Grosse, Manuel Vilariño, Negro Álvaro, Otto Zitko, Pedro Barbeito, Perejaume, Shinique Smith, Simeón Saiz Ruiz, Teo Soriano, Tobias Lehner e Peter Zimmerman.
|
A Galeria NovaOgiva, no Museu Nacional de Óbidos (Portugal), organiza entre 20/2 e 12/4 a exposição coletiva de cerâmica “Prometheus Fecit”, da qual participam os artistas portugueses Albuquerque Mendes, Beatriz Sanchez Horta Correia, Bela Silva, Catarina Branco, Graça Pereira Coutinho, Isaque Pinheiro, Jorge Abado, Luís Nobre, Maria Pia Oliveira e Sofia Castro, e os brasileiros Carolina Paz, Estela Sokol, Fábio Carvalho e Gabriela Machado. A curadoria é de Maria de Fátima Lambert. A mostra, que já passou pelo Museu Nacional Soares dos Reis (Porto), apresenta as obras resultantes de uma residência artística realizada entre fevereiro e julho de 2014 na Cerâmica PP&A São Bernardo, em Alcobaça (Portugal).
|
Fábio Carvalho está mais uma vez em Lisboa, Portugal, onde realiza a intervenção urbana “Aposto”. É a segunda vez que o artista se apresenta na cidade. No ano passado, realizou a intervenção urbana “Migração Monarca”, durante as tradicionais Festas dos Santos Populares de Lisboa, que correspondem às festas juninas brasileiras, acrescentando bandeirinhas de papel de seda em seus “monarcas” (soldados em uniforme camuflado, com asas de borboleta saindo de suas costas), remetendo às migrações das borboletas Monarcas. Para o projeto de intervenção urbana deste ano, chamado “Aposto”, o artista, que é um apaixonado pelos azulejos antigos, tendo até mesmo um projeto paralelo de levantamento dos azulejos antigos em sua cidade natal, o Rio de Janeiro ( http://azulejosantigosrj.blogspot.com.br), criou um novo padrão de azulejo, que foi impresso em papel e depois aplicados com cola de amido em fachadas de prédios lisboetas onde os azulejos originais já estavam em falta, por deterioração ou roubo. Nenhum azulejo real foi encoberto pelos azulejos de papel do artista.
|
Os artistas brasileiros Clara Ianni e Fábio Leão foram selecionados para participar da Bienal de las Fronteras, que acontece entre 5 e 31/3 no Museo de Arte Contemporáneo de Tamaulipas, em Matamoros, no México (www.bienaldelasfronteras.org/en/). Com direção executiva e curatorial de Othon Castaneda, a Bienal de Las Fronteras tem como foco promover o diálogo, intercâmbio e discussão crítica acerca da produção artística emergente a nível mundial, bem como dar visibilidade às expressões artísticas mais inovadoras da atualidade. O evento conta ainda com a participação dos artistas Andrés Felipe Castaño, Armando Miguélez Giambruno, Carlos Humberto Ramírez Lara, Claudio Correa, Efraín Salinas Salinas, Emilio Chapela, Eric Bourret, Florencia Levy, Georgina Arizpe Garza, Heliodoro Santos Sánchez, Jessica García de la Garza, Julien Friedler, Luz María Sánchez Cardona, Manuel Mathar, Manuela Viera-Gallo, Maryam Ashkanian, Maya Yadid, Miguel Ángel Ortega, Miriam Medrez, Pablo López Luz, Roberto Juárez Cervantes, Rodrigo Hernández, Rogelio Raúl Meléndez Cetina, Tom Henderson e Verónica Meloni.
|
O artista mineiro e radicado entre São Paulo e Amsterdã Célio Braga (Galeria Pilar) participa entre 13/3 e 7/6 da mostra coletiva “Love & Loss: Fashion & Mortality”, no Lentos KunstMuseum, em Linz, na Áustria (www.celiobraga.net).
|
A mostra “Hudinilson Jr.”, em cartaz na Flash Art NY Desk, em Nova York, entre 6/3 e 4/4, apresenta uma coletânea de trabalhos produzidos em grande parte nos anos 80 e que evidenciam a obsessão do artista paulistano pelo corpo masculino. São apresentadas colagens, fotografias, objetos, esculturas e seu cultuado trabalho em xerox. Antes de se dedicar á carreira solo, Hudinilson Urbano Jr. (1957-2013) participou do cultuado grupo paulistano de performances 3NÓS3, composto ainda por Rafael França (1957-1991) e Mário Ramiro (1957). A curadoria da mostra de Hudinilson é de Michele D’ Aurizio e foi financiada pela Galeria Jaqueline Martins (São Paulo), que representa a obra do artista.
|
Marcius Galan (Galeria Luisa Strina) participa da mostra coletiva “Topsy Turvy World”, que acontece entre 25/2 e 30/4 na galeria Häusler Contemporary Zürich, na Suíça. Participam ainda os suíços Beto Boller, Jonas Etter, Arnold Odermatt, Koka Ramishvili e Roman Signer, o norte-americano Richard Allen Morris, os alemães Alicja Kwade e Ariel Schlesinger, e o austríaco Sébastien de Ganay.
|
O artista James Kudo, atualmente com mostra individual em cartaz na Galeria Zipper (São Paulo), terá mostra individual na primeira edição da feira ART15, entre 21 e 23/5, em Londres. Foi selecionado pelo curador Jonathan Watkins. O evento acontece no London’s Global Art Fair (9 Manchester Square,, W1U 3PL).
|
O artista paraense Armando Queiroz (Luciana Caravello Arte Contemporânea) participará este ano da mostra de videoarte Moving Image, em Nova York, entre 5 e 7/5. Apresentará o trabalho “Ymá Nhandehetama”. A obra foi produzida para a 3ª edição do Prêmio CNI-SESI Marcantonio Vilaça (2010/2011) e participou ainda da última Bienal de São Paulo (2014) e das exposições “Amazônia - A Arte”, no Museu da Vale (Vitória, ES) e “Amazônia - Ciclos de Modernidade”, no CCBB (Rio de Janeiro e Brasília).
|
A galeria francesa MdM Gallery apresenta obras inéditas da série “Sudário”, do artista plástico gaúcho radicado no Rio de Janeiro Carlos Vergara (Bolsa de Arte de Porto Alegre). A mostra acontece na igreja de Saint Gervais, no bairro Marais, em Paris. A mostra acontece entre 13/3 e 7/4. “Sudário” dá seguimento ao trabalho inspirado nas Missões jesuítas, que se instalaram no século 17 no Novo Mundo e em sua interação na América do Sul com as tribos indígenas dos Guaranis. A mostra já passou pelo Museu de Arte Contemporânea de Niterói (RJ) e pelo Museu Nacional do Conjunto Cultural de República (Brasilia). www.mdmgallery.com
|
A galeria Marianne Boesky, em Nova York, apresenta a vídeo instalação “Temporal Maps of a Non-Sedimented Land”, do artista mineiro Thiago Rocha Pitta (Galeria Millan) a partir de 22/2. Curadoria de Simon Watson.
|
A filial de Hong Kong da galeria inglesa White Cube apresenta, entre 13/3 e 30/5 uma exposição individual com colagens e pinturas da carioca Beatriz Milhazes (Galeria Fortes Vilaça).
|
Marlon de Azambuja (Galeria Marília Razuk) participa atualmente de diversas exposições ao redor do mundo. Está na coletiva “Installations”, entre 31/1 e 13/3 no Studio Sandra Recio, em Genebra, na Suíça, ao lado de Benoit Billotte e Florent Meng (www.sandrarecio.com). Entre 5/2 e 6/3, Azambuja participa ainda da coletiva “La Angustia de Casi Saber y Quedarse no Sabiendo”, que acontece no espaço Diablo Rosso, no casco Antiguo da Cidade do Panamá. Participam ainda Ricardo Alcaide, Fabrizio Arrieta, Donna Conlon & Jonathan Harker, Federico Herrero e José Lerma. Entre 14/2 e 31/3 se apresenta com o colombiano Santiago Reyes da mostra “Contramuro”, que acontece na galeria Instituto de Visión (institutodevision.com), em Bogotá (Colômbia). A curadoria é de Omayra Alvarado. De 19/2 até 23/4, é um dos artistas selecionados “Ejercicios de Traslado”, curadoria de Osbel Suárez, da qual participam ainda os brasileiros Waltercio Caldas, José Damasceno, Fernanda Gomes, Nelson Leirner, Vik Muniz, Ernesto Neto e Tunga e os artistas latino-americanos Allora & Calzadilla, Francis Alÿs, Alexander Apóstol, Alexandre Arrechea, Fernando Bryce, Yaima Carrazana, José Dávila, Leandro Erlich, Sandra Gamarra, Carlos Garaicoa, Arturo Hernández Alcázar, Alfredo Jaar, Guillermo Kuitca, Glenda León, Jorge Macchi, Marco Maggi, Carlos Motta, Damián Ortega, Liliana Porter, Wilfredo Prieto, Doris Salcedo e outros. A mostra acontece no Centro de Arte Alcobendas, em Madri (Espanha). Participa ainda da mostra coletiva “Trazos Sensibles” que acontece na Fundación Museo Salvador Victoria, em Terual (Espanha), entre 21/3 e 16/4. Participam ainda Mar Arza, Miguel Angel Campano, Joan Hernández Pijuan, Mitsuo Miura, Guillermo Mora, Alberto Reguera, Daniel Verbis e outros. salvadorvictoria.com
marlondeazambuja.com
|
Os históricos fotógrafos brasileiros ou aqui radicados José Medeiros, Hans Gunter Flieg, Marcel Gautherot e Thomaz Farkas fazem parte da mostra “Modernidades: Fotografia Brasileira (1940-1964), que a Fundação Calouste Gulbenkian, em Lisboa, realiza entre 21/2 e 19/4. As obras fazem parte do acervo do Instituto Moreira Salles. A mesma mostra esteve em cartaz no Museu da Fotografia de Berlim em 2013 e tem curadoria de Samuel Titan Jr. (coordenador executivo cultural do IMS), Ludger Derenthal (diretor do Museu da Fotografia em Berlim) e António Pinto Ribeiro (diretor do Programa Gulbenkian Próximo Futuro). Entre 6/5 e 26/7, a mostra segue para Paris, onde será apresentada na Délégation en France da Fundação Gulbenkian.
|
Ernesto Neto, Valeska Soares e Cildo Meireles foram selecionados para a mostra coletiva “Belle Haleine: The Scent of Art”, que aborda o perfume nas artes plásticas. A coletiva acontece no Museu Tinguely, na Basiléia (Suíça) até 17/5 e conta ainda com obras de John Baldessari, Bernard Bazile, Louise Bourgeois, Marcel Broodthaers, Carlo Carrà, Marcel Duchamp, Peter de Cupere, Sylvie Fleury, Jaromír Funke, Yuan Gong, Raymond Hains, Carsten Höller, Bruno Jakob, Oswaldo Maciá, Piero Manzoni, Jenny Marketou, Kristoffer Myskja, Markus Raetz, Man Ray, Martial Raysse, François Roche, Dieter Roth, Ed Ruscha, Daniel Spoerri, Gerda Steiner & Jörg Lenzlinger, Jana Sterbak, Jean Tinguely, Sissel Tolaas, Clara Ursitti, Ben Vautier, Bill Viola, Claudia Vogel, Meg Webster e Anna-Sabina Zürrer. A mostra contará ainda com trabalhos alegóricos dos séculos 16 e 17, de atutores como Cornelis Dusart, Pieter Jansz. Quast, Jan Saenredam, e Jacob Fransz van der Merck.
|
Rivane Neuenschwander e Sandra Ramos estão na coletiva “Fractured Narratives: A Strategy to Engage”, com curadoria de Amy Galpin e Abigail Ross Goodman. A mostra acontece no David Owsley Museum of Art, na Ball State University, em Muncie (EUA), até 3/5. Participam ainda obras de Dawoud Bey, Eric Gottesman, Jenny Holzer, Alfredo Jaar, Amar Kanwar, William Kentridge, An-My Lê, Maya Lin, Goshka Macuga, “Moris” Israel Moreno, Trevor Paglen e Martha Rosler. As obras fazem parte da Alfond Collection of Contemporary Art, de Rollins College, em Winter Park (Flórida), que mantém parceria com a universidade de Muncie.
|
Móveis de Lina Bo Bardi e Roberto Burle Marx estarão em exposição em março na galeria R & Company, em Nova York, que é especializada em mobiliário moderno brasileiro. A mostra coincidirá com a abertura da mostra “Latin America in Construction”, marcada para o fim de março, no MoMA, em Nova York.
|
O artista Daniel Caballero realiza em Lisboa, entre 11/2 e 2/4, a mostra individual “Tóxico Trópico”, com curadoria de Mariaelena Cappucci. A mostra acontece na galeria lisboeta Carlos Carvalho Arte Contemporânea. www.carloscarvalho-ac.com
|
Caio Reisewitz (Luciana Brito Galeria) inaugurou em 12/2 a sua individual “Altamira”, a terceira na Galería Joan Prats, em que exibe fotografias, colagens e vídeos. O título remete ao município paraense onde está sendo construída a usina hidroelétrica de Belo Monte, a terceira maior do mundo e que alterará o curso do rio Xingú, provocando um enorme impacto ambiental na Amazônia e graves transformações sociais em diversas populações indígenas.
|
O artista f.marquespenteado (Mendes Wood DM) participa da mostra “Rituais com Máscaras – Um Face-a-Face”, no Centro Cultural de Artes José de Guimarães, em Guimarães (Portugal), até 5/4.
|
O Institute of Contemporay Art (ICA), de Boston, abriga até 5/4 a primeira exposição individual em um museu americano da carioca Adriana Varejão (Galeria Fortes Vilaça), com 23 obras produzidas entre 1993 e 2014.
|
O artista plástico e médico mineiro Avilmar Maia participará a partir de 1/3 da exposição do Prêmio Sandro Botticelli, no Museu Casa di Dante, em Florença (Itália).
|
O carioca Daniel Lannes (Luciana Caravello Arte Contemporânea) participará em julho e agosto do programa Kunstresidenz Bad Gastein, uma residência artística na cidade de Bad Gastein, próxima a Salsburgo, na Áustria.

IX Colóquio Internacional Michel Foucault recebe inscrições +

O Instituto Ricardo Brennand recebe inscrições de interessados em participar do IX Colóquio Internacional Michel Foucault e as Heterotopias do Corpo, que ocorre entre 14 e 17/04/15, das 10h às 18h, na Pinacoteca do Instituto Ricardo Brennand, em Recife.
O Colóquio debate a relação do corpo com temas ligados a educação, literatura, artes e filosofia, a partir de conceito de “Heterotopia” elaborado pelo pensador francês Michel Foucault, que propõe a noção de descrever espaços com múltiplas camadas de significação ou de relações a outros lugares que são simultaneamente físicos e mentais. A ocasião ocorre dez mesas redondas com a participação Arianna Sforzini (l’Université Paris-Est Créteil), Alcileide Cabral do Nascimento (UFRPE), Alfredo José da Veiga-Neto (UFRGS), André de Macedo Duarte (UFPR), Antônio Torres Montenegro (UFPE), Carmem Lúcia Soares (UNICAMP), Celso Kraemer (FURB), Cristiane Maria Marinho (UECE), Denise Bernuzzi de Sant'Anna (PUC-SP), Diogo Sardinha (Collège International de Philosophie/ França), entre outros. As inscrições podem ser feitas pleo e-mail irb@institutoricardobrennand.org.br . Investimento de R$ 100; R$ 50 para estudantes e pesquisadores.
|
Mais informações:
Instituto Ricardo Brennand
Várzea: Engenho São João, Alameda Antônio Brennand, s/nº, continuação da Rua Professor Luiz Freire, próximo ao Cefet – Recife – PE. Tels. (81) 2121-0352 / 0365. www.institutoricardobrennand.org.br

Focus une Cândido Portinari e Chico Buarque em espetáculo de dança +

A Focus Cia. de Dança realiza entre 02/04/15, às 20h, e 12/04/15 uma temporada do espetáculo “Saudade de Mim”, inspirado em Cândido Portinari e Chico Buarque, na Galeria Olido. Com direção do coreógrafo carioca Alex Neoral, o show reconstrói e mescla personagens de canções distintas de Chico em cenários históricos criados por Portinari, como “O espantalho”, “Casamento na roça" e “O mestiço" se impõem na narrativa. A peça marca os 15 anos da Focus e parte de trazer para a dança outras linguagens artísticas que esboçam a fusão de artes distintas. Participam Alex Neoral, Carol Pires, Clarice Silva, Cosme Gregory, Felipe Padilha, Gabriela Leite, Márcio Jahú e Mônica Burity. A entrada é gratuita com distribuição de senhas com uma hora de antecedência, de sexta a sábado às 20h e domingo às 19h.
|
Galeria Olido
Centro: av. São João, 473, tels. (11) 3331-8399
www.galeriaolido.sp.gov.br

Oito artistas brasileiros realizam perfomances na mostra de Marina Abramović +

Em visitas periódicas ao Brasil, Marina Abramović consultou artistas, curadores e galeristas pedindo sugestões de artistas de performance brasileiros que realizam obras originais, intensas e relacionadas a cultura brasileira. O objetivo era relacionar a produção desses artistas com sua produção para a exposição “Terra Comunal – Marina Abramović + MAI”, que ocorre entre 11/03 e 10/05/15 no Sesc Pompéia.
Após uma série de entrevistas, Abramović, acompanhada dos curadores Paula Garcia e Lynsey Peisinger, selecionou oito artistas para realizarem apresentações em consonância com as propostas do Marina Abramović Institut durante todo período de sua exposição.
Uma semana antes do início do projeto, os artistas participam do workshop “Cleaning the House” (Limpando a Casa) com Marina Abramović, em um espaço fora de São Paulo. Durante cinco dias, eles praticam exercícios de preparação para realizar as performances de longa duração, adquirindo resistência, concentração, autocontrole e força de vontade.
Cinco trabalhos são performados durante os dois meses da exposição, “O Datilógrafo”, de Fernando Ribeiro; “Vesúvio”, do Grupo Empreza; “O Vínculo”, de Maurício Ianês; “Corpo Ruindo”, de Paula Garcia e “O Jardim”, de Rubiane Maia, de terça a sábado, das 13h às 21h, domingos e feriados, das 11h às 19h. Participam ainda, com intervenções pontuais: Ayrson Heráclito, com “Transmutação da Carne”, apresentada unicamente no dia 10/03/15, às 18h, e os artistas Maikon K, com “DNA de DAN”, apresentada nos dias 12, 13 e 14/03/15, das 17h às 21h; e Marco Paulo Rolla, com “Preenchendo o Espaço”, de 07 a 12/04/15.
|
Mais informações:
Sesc Pompéia
Pompéia: r. Clélia, 93, tels. (11) 3871-7700 e 0800-118220. Ter. a sáb., 9h/22h; dom., 9h/20h. www.sescsp.org.br

Nuno Ramos lança o livro Sermões na Livraria da Vila +

O artista Nuno Ramos lança em 09/04/15, a partir das 18h30, na Livraria da Vila (Fradique Coutinho) o livro “Sermões”, que inclui sessão de autógrafos. Autobiográfico, o livro trabalha com a temática existencialista. O protagonista de Sermões escreve para si sobre si, não em tom de enaltecimento, mas sim de registro, condensando as questões de identidade que eventualmente se abatem sobre todos os seres humanos. Quem sou? O que faço aqui? Vale a pena? A construção do livro é amarrada a uma trama mínima, que surge sintetizada em nota final ao livro.
|
Mais informações:
Livraria da Vila
Vila Madalena: r. Fradique Coutinho, 915, tel. (11) 3814-5811. www.livrariadavila.com.br

MAM realiza o projeto Em Movimento Dança e Acessibilidade +

O Museu de Arte Moderna de São Paulo, em parceria com o Museu da Dança realiza, entre os dias 10/04 e 13/06/15, uma série de atividades do projeto “Em Movimento: Dança e Acessibilidade”, uma plataforma de intercâmbio entre artes visuais e dança e entra no clima da exposição Museu Dançante, em cartaz até 21/06/15 no MAM.
O projeto educativo “Em Movimento - Dança e Acessibilidade” permite a interação entre pessoas sem e com deficiência, facilitando o intercâmbio de experiências estéticas, culturais e artísticas para favorecer a socialização entre os públicos. Além de performances dos grupos “Lagartixa na Janela” e “Dança sem Fronteiras”, serão oferecidas vivências de dança, curso para educadores e o fórum de debates Acessibilidade: mediação e produção artística, que conta com a participação de artistas, pesquisadores e educadores.
O Museu da Dança (MUD) é um museu virtual dedicado à preservação da memória da dança brasileira por meio do compartilhamento virtual de acervos históricos. Primeiro museu da dança na América Latina e o único museu virtual da dança no mundo, a iniciativa tem o objetivo de proteger o bem cultural que é, por natureza, efêmero. A dança é uma expressão artística imaterial e passageira, mas remanescem registros materiais das obras como fotos, vídeos, figurinos, cenário e documentos.
|
Confira a programação:

De 10/04 a 22/06/15 - Projeto educativo “Em Movimento - Dança e Acessibilidade”, aberto ao público.
-
10/04/15, a partir das 14h - Fórum “Acessibilidade: Mediação e Produção Artística”, com Amanda Tojal, Cristiana Cerchiari, Sueli Ramalho, Cássia Navas e Ana Terra. 180 pessoas. Inscrições pelo site - www.museudadanca.com.br
-
17, 18, 24 e 25/04/15, sextas-feiras, das 16 às 19h e sábados, das 14 às 17h - Curso para educadores – “Ensino da Dança: Uma Perspectiva Inclusiva”, com Ana Terra. Inscrições pelo e-mail: museudadanca@museudadanca.com.br
-
Apresentações e performances:

11/04/15, sábado, às 15h - “Na mesma cena”, da Cia Dança sem Fronteiras, no Jardim das Esculturas do MAM .
De 02/05/15 a 13/06/15, aos sábados, às 15h – “Varal de Nuvens”, da Cia Lagartixa na Janela
|
Mais informações:
Museu de Arte Moderna de São Paulo
Parque do Ibirapuera: av. Pedro Álvares Cabral, s/nº, portão 3, tel. (11) 5085-1300. www.mam.org.br

Obra de Yuri Firmeza é premiada na Mostra do Filme Livre +

O filme “Nada É”, do artista Yuri Firmeza, exibido na 31º Bienal de São Paulo, foi premiado com o troféu Filme Livre! na Mostra do Filme Livre e será apresentado no Centro Cultural Banco do Brasil do Rio de Janeiro (RJ), Brasília (DF), Belo Horizonte (BH) e São Paulo (SP).

Antonio Lee participa de residência no Pivô +

Antonio Lee participa de uma residência de quatro meses no Pivô, no prédio Copan, no Centro da cidade, período em que o artista desenvolverá trabalhos de pintura. O Pivô, um espaço de ateliês, é um laboratório de pesquisa para artistas e que coloca o público em contato com o processo de criação. Mais informações: www.pivo.org.br

Luiz Mauro expõe na Maison Européenne de la Photographie +

Luiz Mauro realiza de 14/04/15 a 16/06/15 a exposição “Des Peintures comme des Photographies” na Maison Européenne de la Photographie (MEP), em Paris (França).
O conjunto de obras vem sendo desenvolvido desde o início de 2012, retratando ateliês de diversos artistas representativos da história da arte mundial, desde o surgimento da fotografia e o impressionismo no século 19 até a arte contemporânea.
A série de obras traz os espaços de criação de artistas como Renoir, Monet, Lucian Freud, Georgia O'Keef, Lygia Clark, Paula Rego, Baselitz e Kapoor, entre outros. Há também dois ateliês fotográficos: dos norte-americanos Irving Penn e Frances Benjamin Johnston.
Para a realização dos trabalhos, o artista fez um intenso trabalho de pesquisa, resgatando imagens em livros, catálogos e na internet. No entanto, ele não refaz as fotografias, mas as interpreta, recriando os ambientes sobre papel, com várias camadas de nanquim, criando uma atmosfera densa, com áreas bem definidas de luz e sombra.
Após a exibição em Paris, o artista (um dos indicados ao Prêmio Pipa 2015) realiza a mostra na galeria Athena Contemporânea, no Rio de Janeiro (RJ), no próximo semestre.

Prêmio Illy Sustain Art recebe inscrições de participantes da SP-Arte +

O Illy Sustain Art recebe até 30/03/15 inscrições para a quarta edição do Prêmio Illy no Brasil. A premiação concede um prêmio de R$ 20.000,00 (vinte mil reis) para um artista brasileiro com até 35 anos de idade. As galerias participantes da Sp-Arte podem indicar o nome de até três artistas para concorrer ao prêmio através do e-mail: premio.illy@sp-arte.com . O Prêmio surgiu com o intuito de revelar e incentivar novos talentos da arte contemporânea em países em desenvolvimento. A SP-Arte contempla a premiação desde 2012 e. Foram selecionados nas edições anteriores os artistas Gustavo Speridião, artista da Galeria Anita Schwartz, em 2012; Waléria Lima, representada pela Galeria Laura Marsiaj, em 2013; e Cristiano Lenhardt, representado pelas galerias Amparo 60 e Fortes Vilaça, em 2014. O nome do vencedor será divulgado durante a SP-Arte/2015, que acontece entre 08 e 12/04/15.

Fancy Violence faz três apresentações em São Paulo +

A drag mais famosa das artes visuais brasileira, Fancy Violence, alter-ego do artista Rodolpho Parigi, se prepara para três apresentações com sua banda em São Paulo. As apresentações ocorrem em 11/04/15, na Galeria Olido, às 20h; em 24/04/15, às 20h, no Centro Cultural da Juventude; e em 30/04/15, às 20h, Centro Cultural São Paulo.

O show é composto pelos vocais estridentes de Fancy, que é acompanhada por sintetizadores e arranjos de batidas eletrônicas de Nivaldo Godoy e Panais Bouki. O grupo, formado em 2014, se inspira em influências de rock eletrônico e performance, com composições próprias inspiradas no universo dos quadrinhos, ficção científica, film noir e movimentos de vanguarda.

As últimas aparições da banda ocorreram durante o festival de música e performance "Transformação" no CCBB-SP, onde Fancy Violence cantou enquanto flutuou pelos quatro andares do átrio central do edifício histórico em São Paulo
|
Mais informações:
Galeria Olido
Centro: av. São João, 473, tels. (11) 3331-8399. www.galeriaolido.sp.gov.br
-
Centro Cultural da Juventude
Vila Nova Cachoerinha: av. Deputado Emilio Carlos, 3.641, tel. (11) 3984-2466. http://ccjuve.prefeitura.sp.gov.br
-
Centro Cultural São Paulo
Paraíso: r. Vergueiro, 1.000, tel. (11) 3397-4002. www.centrocultural.sp.gov.br

Sesc Vila Mariana sedia o I Encontro de Fotolivros +

O Sesc Vila Mariana sedia em 08, 09 e 10/04/15 o Encontro de Fotolivros, idealizado pela empresa espanhola La Fábrica, o PhotoEspaña e o Sesc São Paulo, que propõe a reflexão sobre a importância dos fotolivros enquanto propulsores do desenvolvimento da fotografia. O evento reúne uma série de atividades, entre debates, palestras, cursos, mesas redondas, com convidados brasileiros e estrangeiros entre eles Alex Webb, Álvaro Matías, Armando Prado, Claudi Carreras, Claudia Jaguaribe, Cristina de Middel, Iatã Canabrava e Miguel Rio Branco. Em complemento também ocorre, entre 08/04/15 e 14/06/15 a exposição “Fotolivros, Uma Seleção Atual”, com 146 obras lançadas nos últimos anos para apresentar um panorama geral das tendências no campo da editoração de livros de fotografia, em cartaz no local. Inscrições no site www.sescsp.org.br. Confira a programação completa:
|
Cursos:

08, 09 e 10/04/15, das 09h às 13h - “Foto/Livro/Pensar/Fazer”, com Daniel Trench e Celso Longo.
Cada participante segue etapas básicas e necessárias para produzir um fotolivro. A autoedição será feita a partir de um ensaio fotográfico autoral, a partir da conceituação, edição, projeto gráfico, diagramação e montagem.
Pré-requisito: Trazer um ensaio fotográfico autoral, em formato digital (jpg ou tif / A4 / 300 dpi), também em ampliações impressas em formato A4, além de um laptop com os softwares photoshop e indesign.

08, 09 e 10/04/15, das 09h às 13h – “Histórias Aleatórias, Livros Concretos”, com Cristina de Middel.
A partir da estrutura dos fotolivros : a história, a linguagem e o suporte; usando diferentes fontes de imagem impressa, a montagem de fotolivros trabalha na construção de narrações visuais em que a história seja a prioridade.
Pré-requisito: Trazer um livro antigo e revistas antigas ou imagens impressas.

“Café com” – é uma conversa acompanhada de um café, mais próxima dos convidados que apresentam seus trabalhos em busca de respostas de dúvidas e aprofundar e explorar melhor o universo do fotolivro e dos artistas/editores/fotógrafos.

08/04/15, das 15h às 16h - Café com Gerhard Steidl

09/04/15, das 15h às 16h - Café com Daniel Power

10/04/15, das 15h às 16h - Café com Dewi Lewis

Conferências e Mesas Redondas
08/04/15, das 17h às 18h- Conferência com Gerhard Steidl

08/04/15, das 18h às 19h30 | Mesa Redonda com Alex Webb, Claudi Carreras e Daniel Power. “Além do Fotógrafo - A Edição e Coprodução do Fotolivro”

09/04/15, das 17h às 18h30 | Mesa Redonda com Claudia Jaguaribe, Armando Prado, Daniel Trench e Celso Longo. “Mundo BR - Fotolivros e Fotografia Nacional”.

09/04/15, das 18h30 às 19h30 | Conferência com Cristina de Middel. “Quando a Ficção é Mais Estranha do Que a Verdade”.

10/04/15, das 17h às 18h30 | Mesa Redonda com Elaine Ramos, Álvaro Matías e Dewi Lewis. “Destino: Novos Mercados e Distribuição”.

10/04/15, das 18h30 às 19h30 | Conferência com Miguel Rio Branco. “Escrevendo com Fotos”.

Leitura de Projetos, com Álvaro Matías, Daniel Power, Alex Webb e Elaine Ramos.
09/04/15 (1ª Sessão: 15h às 16h; 2ª Sessão: 16h às 17h)
10/04/15 (1ª Sessão: 15h às 16h; 2ª Sessão: 16h às 17h).
|
Sesc Vila Mariana
Vila Mariana: r. Pelotas, 141, tels. (11) 5080-3000 e 0800-11-8220.
www.sescsp.org.br

Cidade fantasma de MG recebe inscrições para ocupações artísticas +

O projeto Cemitério do Peixe: Morte e Magia nas Artes Visuais recebe inscrições até 05/04/15 de artistas interessados em exibir seus trabalhos e participar de residência artística em uma ocupação transdisciplinar, que ocorrerá entre 04 e 07/07/15, no povoado Cemitério do Peixe, do município de Conceição do Mato Dentro (MG). Os interessados devem enviar seus projetos para o e-mail: contato@cemiteriodopeixe.com.br . Serão selecionados trabalhos das mais diversas ordens e suportes que estejam de acordo com o tema que norteia a ocupação. A residência artística tem inicio em 11/05/15.
A proposta visa estimular relações multissensoriais entre artistas, pensadores e a população local, em pleno sertão roseano.
A programação tem por princípio a diversidade, contemplando exposições, seminários, oficinas, mini-cursos etc. Alguns nomes já confirmados: Claudia Rodrigues-Ponga (São Paulo/Madri), Divino Sobral (Goiás), Irving Domingues (Cidade do México), Francilins (Minas Gerais), Mario Ramiro (São Paulo), Santiago Rueda (Bogotá), Titus Riedl (Ceará / Alemanha), Ronaldo Entler (São Paulo), João Castilho (Minas Gerais), Pedro David (Minas Gerais) e Eustáquio Neves (Minas Gerais).

Cemitério do Peixe é um povoado conhecido popularmente como uma “cidade-fantasma”: Durante cinco dias no ano (de 11 a 15 de agosto), milhares de pessoas se reúnem para agradecer e celebrar as Almas e São Miguel Arcanjo, padroeiro da única igreja do povoado. Nos outros dias do ano, apenas duas famílias vivem ali naquele microuniverso de cerca de 200 casas.
A organização subsidiará hospedagem e alimentação aos selecionados. A ocupação Cemitério do Peixe – Magia e Morte nas Artes Visuais integra a Rede Nacional FUNARTE de Artes Visuais – 11ª Edição.
|
Mais informações: contato@cemiteriodopeixe.com.br | http://www.cemiteriodopeixe.com.br/convocatoria/

1ª Bienal de Performance Argentina reúne cerca de 100 artistas de todo o mundo +

Quatro cidades argentinas - Buenos Aires, Mar del Plata, San Juan e Neuquén, sediam, entre 27/04 e 07/06/15, a primeira edição da Bienal de Performance Argentina. Cerca de 100 renomados artistas e pesquisadores das artes do corpo participam de apresentações
ao vivo, ações, seminários e workshops em museus, como o Museo Nacional de Bellas Artes, o Malba, o Centro de Arte Experimental USAM e o Memória Park, entre outros centro culturas e espaços públicos. Entre os artistas confirmados, estão nomes seminais do movimento, como Marina Abramovic, Marta Minujin, Laurie Anderson, Sophie Calle, Nicola Costantino, Jorge Macchi e Edgardo Rudnitzky, Diego Bianchi e Luis Garay, Liu Boli, Tania Bruguera e Amalia Pica.
|
Mais informações: www.bp15.org

3ª Bienal Internacional Graffiti Fine Art reúne 60 artistas brasileiros +

A 3ª edição da Bienal Internacional Graffiti Fine Art ocorre entre 17/04/15 e 19/05/15 reúne exposição com cerca de 60 artistas o Pavilhão das Culturas Brasileiras, no Parque do Ibirapuera. Idealizada pela produtora Renata Junqueira da Mega Cultural e com curadoria de Binho Ribeiro, esta edição reúne obras de artistas de diferentes locais do Brasil, com pinturas em spray, estêncil e pincéis, além instalações, esculturas e videoarte. Entre os artistas estão, Aiog, Alexandre Keto, Bob, Chambs, Cusco, Dalata, Drika, Fedos, Ficore, Grud, Jotape, Julio Barreto, Kaja, Musa, Tasso, Tche, Vespa, Zumi, e outros. A entrada é gratuita.
|
Pavilhão das Culturas Brasileiras
Parque do Ibirapuera. Rua Pedro Álvares Cabral, s/n. São Paulo – SP. www.facebook.com/3bienalgraffiti

Memorial da América Latina ganha laboratório público de fabricação digital +

O Memorial da América Latina inaugura no sábado 28/03/15, ás 11h, o MemoFabLab, primeiro laboratório de fabricação digital público do Brasil. O projeto vem sendo desenvolvido pelo Memorial desde 2012 em parceria com a FAU/USP e agora está em fase de montagem no ateliê da Galeria Marta Traba. O equipamento é uma ilha de produção que disponibiliza aparelhos de última geração, como impressoras 3D e cortadores a laser.
O MemoFabLab vai funcionar de terça a sexta-feira, das 13h às 18h, em workshops e oficinas promovidas pela Galeria Marta Traba e ficará disponível para ser utilizado por qualquer pessoa, seja artista, profissional da área ou do público em geral que queira conhecer essas tecnologias digitais.
|
Mais informações:
Memorial da America Latina
Barra Funda: av. Auro Soares de Moura Andrade, 664, estação Barra Funda do Metrô, tels. (11) 3823-4600 / 4705. www.memorial.sp.gov.br

8ª edição do Clube Hall é lançada na SP-Arte +

O Clube Hall, clube de colecionadores organizado por Florence Antonio, lança sua oitava edição na SP-Arte, que ocorre entre 8 e 12/04/15, no Pavilhão da Bienal. Esta é uma edição especial, da qual participam cinco artistas mulheres, entre elas Rosângela Rennó (Belo Horizonte, 1962) e Lucia Koch (Porto Alegre RS 1966), as outras três participantes serão anunciadas na SP-Arte.
O Clube Hall funciona assim: os sócios pagam uma anuidade (cerca de R$ 6.000,00) e recebem, ao longo do ano, obras produzidas exclusivamente para o projeto, com edição limitada de 50 exemplares, devidamente assinadas e numeradas. Segundo Florence, o clube foi criado para quem pretende iniciar ou complementar sua coleção de arte.

|
Mais informações:
http://www.artehall.com.br

CCBB realiza intervenções especiais para fila da exposição de Picasso +

O Programa Educativo do Centro Cultural Banco do Brasil realiza a partir de 25/03/15 uma série de intervenções realizadas na fila da exposição “Picasso e a Modernidade Espanhola”. O objetivo é que as atividades propostas dialoguem com o conceito da mostra, entre ações perfomáticas com personagens retratados nas obras de Picasso, como o toureiro, uma dançarina de flamenco, o pai do pintor e Marie Thérèse, uma de suas mulheres, que conta a sua história e de outras musas do artista. Também ocorre opções para os visitantes cegos ou com baixa visão, por meio de peças táteis que reproduzem de forma tridimensional das obras. Inclui também um espelho cubista, espaço sensorial, jogos e dinâmicas, contação de história, ação musical, visita teatral, entre outras atividades. Toda a programação educativa é realizada por uma equipe com formação variada, de áreas de artes plásticas, artes cênicas, música, história, filosofia, educação, design, comunicação e semiótica, museologia e letras, totalmente capacitada para o desenvolvimento interdisciplinar. A exposição “Picasso e a Modernidade Espanhola” fica em cartaz até 08/06/15.
|
Centro Cultural Banco do Brasil
Centro: r. Álvares Penteado, 112, tel. (11) 3113-3651.
www.bb.com.br/cultura

Revista Arte Brasileiros promove seminário com personalidades do mercado de arte +

A revista Arte!Brasileiros promove nos dias 09 e 10/04/15 o seminário “TALKS - Arte como Valor”, no Museu de Arte Moderna. O evento, realizado em parceria com a SP-Arte, conta com a participação de personalidades do setor artístico nacional e internacional, como a escritora e socióloga de arte Sarah Thornton, o diretor de estratégias globais da Paddle 8 e da Artnet Thomas Galbraith, o curador Paulo Herkenhoff, e o casal de colecionadores americanos Donald e Mera Rubell, entre outros. O foco das palestras é discutir a construção do valor de uma obra de arte, através de variáveis que influenciam tendências, posicionamentos dos artistas e sobre o mercado de arte internacional, a cultura, conceitos das coleções e investidores de arte na última década. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas pelo site www.brasileiros.com.br ou e-mail seminarios@brasileiros.com.br.
|
Mais informações: www.brasileiros.com.br
-
Museu de Arte Moderna - MAM
Parque do Ibirapuera: av. Pedro Álvares Cabral, s/nº, portão 3, tel. (11) 3030-4050.
www.mam.org.br

Projetos de Paulo Mendes da Rocha são tema de curso no Maria Antonia +

O Centro Universitário Maria Antonia recebe inscrições para o curso “Cidade e Território na Arquitetura de Paulo Mendes Da Rocha”, a ser ministrado pelo especialista Daniele Pisani, nos dias 07, 14, 28//04 e 05/05/15.
A atividade é exame sobre a obra do arquiteto Paulo Mendes da Rocha, mostrando como seus principais projetos são objetos arquitetônicos perfeitamente resolvidos e enunciações abrangentes sobre a cidade, o território e a natureza. Os encontros estudam desde os primeiros projetos do arquiteto, passando pelo período de sua afirmação profissional, sua cassação em 1969, até suas construções realizadas a partir da década de 1980, incluindo MuBE e Pinacoteca do Estado, em São Paulo. Investimento de R$ 200 (20% para estudantes e professores e 40% para terceira idade).
|
Mais informações:
Centro Universitário Maria Antonia
Vila Buarque: r. Maria Antonia, 294, tel. (11) 3123-5201. www.usp.br/mariantonia

Ecomuseu Ilha Grande (RJ) realiza concurso fotográfico +

A terceira edição do concurso de fotografia “Olhares: Água e vida na Ilha Grande” recebe inscrições de fotógrafos profissionais e amadores até 26/04/15. Os interessados devem se inscrever através do site: http://www.ecomuseuilhagrande.eco.br/.
Organizado pelo Ecomuseu Ilha Grande em parceria com o Museu do Meio Ambiente, o concurso tem por objeto a fotografia como forma de reflexão sobre a água, e suas diversas expressões, sejam elas sociais, culturais, estéticas, simbólicas, econômicas, artísticas, religiosas e outras.

Profice recebe propostas de projetos culturais do Paraná até 31/3 +

A Secretaria de Estado da Cultura do Parána recebe até 31/03/15 inscrições para o Profice - Programa Estadual de Fomento e Incentivo à Cultura do Paraná. Podem se inscrever projetos culturais nas áreas de Artes Visuais; Audiovisual; Circo; Dança; Literatura, Livro e Leitura; Música; Ópera; Patrimônio Cultural Material e Imaterial; Povos, Comunidades Tradicionais e Culturas Populares; e Teatro. O edital completo e a ficha de inscrição está disponível no site: www.cultura.pr.gov.br ou pode ser solicitado através do e-mail: profice@seec.pr.gov.br.

11ª SP Arte tem programação de performances e instalações de grandes dimensões +

A 11ª edição da SP-Arte, que ocorre entre 9 e 12/4, no Pavilhão da Bienal, em São Paulo, traz novidades e estreias para a mais relevante feira de arte da América Latina. 140 galerias de arte moderna e contemporânea de 17 países estão confirmadas.

Entre os projetos especiais, estão duas novidades: o “Open Plan”, setor voltado para esculturas, instalações e site-specific de renomados artistas; o “Performance”, plataforma para apresentações artísticas interdisciplinares; além do “Espaço Solo”, seção de destaque dos últimos anos da feira, que nesta edição conta com curadoria de María Inés Rodriguéz, atual curadora-chefe e diretora do Museu de Arte Contemporânea de Bordeaux, na França e Rodrigo Moura, diretor de arte e programas culturais do Instituto Inhotim.

Sob curadoria de Jacopo Crivelli Visconti, a seção “Open Plan” ocupará o terceiro andar do Pavilhão da Bienal, com obras de renomados artistas nacionais e estrangeiros: Amilcar de Castro, Ana Vieira, Andre Komatsu, Ângela Ferreira, Attila Csörgő, Daniel Buren, Django Hernández, Fernando Ortega, Fred Sandback, James Lee Byars, João Loureiro, José Damasceno, Julio Le Parc, Maja Bajevic, Mona Hatoum, Neïl Beloufa, Pedro Cabrita Reis, Ricardo Basbaum e Rochelle Costi.

A seção “Performance”, também localizada no terceiro andar do pavilhão, tem coordenação de Cauê Alves e curadoria de Marcos Gallon e Juliana de Moraes. No decorrer dos quatro dias da feira, 12 artistas farão 14 apresentações e dez estudantes de Artes Visuais Centro Universitário Belas Artes vão reencenar a performance “Breath (Two in a Hat)”, do artista conceitual norte-americano James Lee Byars (1932-1997). A lista de galerias participantes pode ser consultada na seção Notícias deste Mapa das Artes: http://www.mapadasartes.com.br/noticias.php

Confira a programação de performances:
Dia 08/04/15, das 16h às 21h - Diálogos silenciosos (Anna Leite, 2014)
-
Dia 09/04/15, às 13h às 16h - Diálogos silenciosos (Anna Leite, 2014)
Das 17h às 18h30 - Parábola (Leonardo Akio, 2010)
Das 19h às 20h30 - Psicoretrato (Tatiana Schmidt, 2010)
Das 21h às 22h - Reconhecer-se (Mylene Signe, 2010)
-
Dia 10/04/15, seções ás 14h, 15h e 16h - Donas, Sete Histórias Impessoais (Márcio Moreno, 2009)
Das 17h30 às 18h30 - Vociferação itinerante (Victoria Pekny, 2013)
Das 19h30 às 21h - Psicoretrato (Tatiana Schmidt, 2010)
-
Dia 11/04/15, das 14h às 15h - Corpo fechado (Felipe Vasconcellos, 2014)
Das 16h às 17h30 - A herança do silêncio (Anna Leite, 2013)
Das 18h30 às 19h30 - Vociferação itinerante (Victoria Pekny, 2013)
Das 20h às 21h - Palhaço ergométrico (Felipe Bittencourt, 2010)
-
Dia 12/04/15, das 14h às 15h - Eu sou você (Merien Rodrigues, 2009)
Das 17h30 às 18h30 - Palhaço ergométrico (Felipe Bittencourt, 2010)
Das 19h às 21h - Feita à mão (Luiza Oliveira, 2014)
-
CORREDORES E RAMPA
Desajuste (Jorge Feitosa, 2012) – durante toda a feira
-
AO REDOR DO PRÉDIO
Feita à mão (Luiza Oliveira, 2014) – Dias 09 e 10/04/15, das 18h às 21h, sábado das 15h30 às 19h30, domingo das 17h às 19h.
-
AO LADO DA ENTRADA DO PRÉDIO
Identidades (Julia Cavazzini, 2014) – durante toda a feira
-
DENTRO E FORA DO PRÉDIO
Reflexos (Felipe Vasconcellos, 2013)
-
A Galeria Vermelho exibe parte do programação:
Dia 11/04/15, às 14h - Parábola (Leonardo Akio, 2010), Reconhecer-se (Magaly Mylene, 2010) e Eu sou você (Merien Rodrigues, 2009)
|
Mais informações: http://www.sp-arte.com/