destaques
conteúdo
publicidade
curtas

APBA organiza manifestação em frente à Pinacoteca do Estado de São Paulo +

A APBA (Associação Paulista de Belas Artes) está organizando uma manifestação em São Paulo (SP), em frente à Pinacoteca do Estado, em 13/02/16, às 13h, pelo direito de manifestação artística em locais públicos, já que membros da associação vêm sofrendo repressão ao pintar ao ar livre na cidade. Leia a íntegra do comunicado da APBA sobre o tema.

Chamada - 1º Manifesto Público-Artístico da APBA (Associação Paulista de Belas Artes)

Desde o final do ano passado, os pintores João Alves, Edu das Águas, Sr. Kato, Eiji, entre outros, vêm se encontrando em locais públicos como o Parque e Estação da Luz, Centro Velho e outros pontos histórico-turísticos para pintar ao vivo. Em algumas vezes, houve interferência de vigilantes locais que tentaram impedi-los de terminarem suas obras.
Em dezembro do ano passado, houve uma intervenção coercitiva de funcionários quando os nossos artistas pintavam no Parque da Luz. João Alves entrou em contato com a Secretaria do Verde e Meio Ambiente e posteriormente obteve autorização. A APBA também encaminhou um ofício à Prefeitura relatando o incidente, fundamentado no artigo 2º da Lei 15.776/2013, que permite todo tipo de manifestação artística em locais públicos.
Infelizmente no dia 06/02/16 (sábado), Edu das Águas e João Alves foram coagidos novamente, desta vez quando retratavam o prédio da Pinacoteca. Agora a truculência ocorreu com a presença da Polícia, de funcionários da entidade; até dois advogados compareceram para afirmar que “ali não é um local público sendo, portanto, proibido retratar o edifício”, segundo narrou João Alves. Ocorre que a Pinacoteca é gerida pelo Governo do Estado e segundo eles a Lei Municipal não se aplica ao caso.
Por isso Edu das Águas e João Alves decidiram conclamar a todos os artistas a comparecerem no próximo sábado (13/02/16), às 13h, em frente à Pinacoteca com suas paletas, cavaletes, blocos ou telas e os materiais para desenhar e pintar em uma manifestação artística silenciosa.
Apoiamos a iniciativa e convidamos a todos a aderir ao 1º Manifesto Público-Artístico da APBA!
Participe!
Divulgue!

Atenciosamente,

José Carlos Acerbi
Presidente


|

Nota do Mapa das Artes
Neste ano, o Mapa das Artes já presenciou artistas e estudantes desenhando no Museu de Arte Sacra e até mesmo entre os cavaletes de vidro do Masp (Museu de Arte de São Paulo) sem qualquer tipo de repressão.

|

Pinacoteca do Estado de São Paulo
Luz: Praça da Luz, 2.

|
|

Secretaria de Estado da Cultura nega proibição de retratar a Pinacoteca +

A Pinacoteca está sempre aberta para acolher estudantes, artistas, visitantes em geral, dispostos a vivenciar a experiência de estar em um dos museus mais importantes do Brasil, cujo acervo e o edifício são patrimônios de todos os brasileiros.
Nesse sentido, reforçamos que é permitido e sempre foi, registrar o Museu em desenhos e fotografias. Entretanto, temos o cuidado para que ações realizadas dentro deste espaço não coloquem em risco a segurança dos próprios artistas, não prejudiquem a visita dos demais visitantes e não causem danos em obras, peças do mobiliário e da estrutura física do museu. É por esta razão que não é permitido o uso de material de pintura no interior do museu.
Quanto ao ocorrido no último sábado (06/02/16) , em nenhum momento a Pinacoteca impediu ninguém de exercer sua atividade artística. No entanto, os artistas queriam fazê-lo na área do estacionamento, o que não é possível em função da circulação de veículos e pessoas.
Com base neste fato, para evitarmos novos transtornos aos artistas e ao público visitante, sugerimos a utilização das áreas do Parque da Luz ou junto ao passeio externo do Museu. Toda intenção de uso eventual do estacionamento deverá ser precedida de solicitação formal para análise e tomada de medidas para o bom funcionamento deste espaço garantindo o bem estar de todos os seus usuários. Os e-mails poderão ser direcionados para pinacotecasp@pinacoteca.org.br com 72h antecedência.
Este sábado (13/02/16) excepcionalmente a Pinacoteca reservará uma área em seu estacionamento para que os artistas possam exercitar-se com segurança.
#
O e-mail de esclarecimento foi enviado por Renata Beltrão, Coordenadora de Comunicação e Imprensa da Secretaria de Estado da Cultura de São Paulo

SP-Arte chega à 12ª edição com 120 galerias +

A 12ª edição da Feira Internacional de Arte de São Paulo - SP-Arte, volta a ocupar o Pavilhão da Bienal entre os dias 06 e 10/04/16. O evento, que vem se consolidando com um dos mais fortes do mercado internacional, conta com a participação de 120 galerias do Brasil e do mundo (20 a menos que no ano passado), sendo 15% inéditas.
Entre as estreantes estão jovens galerias, como as paulistanas Frente, BFA (Boatos Fine Arts), Warm e Sé; as cariocas MUV Gallery e Colecionador; e a galeria Mamute, de Porto Alegre.
A feira mantém seus setores especiais assinados por curadores, como o Setor Solo, que, sob curadoria de Luiza Teixeira de Freitas, reúne 16 galerias, das quais 11 estrangeiras. A Nicodim, de Los Angeles, apresenta o artista polonês Przemek Pyszczek; Richard Saltoun , de Londres, mostra o trabalho do francês Henri Chopin; Slowtrack, de Madri, exibe o espanhol Juan Zamora; a Espaivisor (Valência), com o inglês Hamish Fulton; PSM (Berlim), com a paulistana Marilia Furman; Lisa Bird (Viena), com o alemão Maximilian Prüfer; Casas Riegner (Bogotá), com o colombiano José Antonio Londoño, que neste ano participa também da 32ª Bienal de São Paulo, e as galerias paulistanas BFA (Boatos Fine Arts) com Daniel Albuquerque; Sé, com Dalton Paula; e Warm, com Leonardo Stroka, além da carioca Portas Vilaseca que apresenta projeto dedicado a artista Iris Helena.
O Open Plan, setor voltado a obras de grande escala, presenta obras inéditas comissionadas por Jacopo Crivelli Visconti, e conta com a participação das galerias Fonti (Napóles) com o artista italiano Seb Patane; ProjecteSD (Barcelona) com o espanhol Asier Mendizabal; Rodeo (Londres) com o cipriano Christodoulos Panayiotou; Simon Preston (Nova York) com a americana Victoria Fu; e a Ultravioleta (Cidade da Guatemala) com o porto riquenho Radamés "Juni” Figueroa. As galerias Jaqueline Martins, com o brasileiro Daniel de Paula, Luciana Brito (São Paulo), com o mexicano Hector Zamora; Sprovieri (Londres) com o Italiano Francesco Arena e Vermelho (São Paulo), com o paulistano Marcelo Cidade. O Setor de Performance, realizado em parceria com o Centro Universitário Belas Artes de São Paulo, volta novamente com curadoria de Cauê Alves.
A SP-Arte seguirá ainda uma tendência lançada no ano passado na feira carioca ArtRio e implementará em 2016 um setor dedicado ao design.

Confira a lista de galerias participantes por setor:

Setor Geral
Agnès Monplaisir, Paris
Almeida e Dale, São Paulo
AM, Belo Horizonte
Anita Schwartz, Rio de Janeiro
Arte 57, São Paulo
ArtEEdições, São Paulo
Athena, Rio de Janeiro
Athena Contemporânea, Rio de Janeiro
Babel, São Paulo
Baró, São Paulo
Berenice Arvani, São Paulo
Bergamin & Gomide, São Paulo
Blain|Southern, Londres
Blau Projects, São Paulo
Bolsa de Arte, Porto Alegre/São Paulo
Carbono, São Paulo
Cardi, Milão
Casa Nova, São Paulo
Casa Triângulo, São Paulo
Celma Albuquerque, Belo Horizonte
Choque Cultural, São Paulo
Colecionador, Rio de Janeiro
Continua, San Gimignano (Itália)
Dan, São Paulo
Dan Contemporânea, São Paulo
David Zwirner, Nova York
Eduardo Fernandes, São Paulo
Elba Benítez, Madri
Eliana Benchimol, Rio de Janeiro
Estação, São Paulo
Fernando Pradilla, Madri
Fólio, São Paulo
Fortes Vilaça, São Paulo
Franco Noero, Turim
Frente, São Paulo
Gagosian, Nova York
Gustavo Rebello, Rio de Janeiro
Hilda Araujo, São Paulo
Ipanema, Rio de Janeiro
Kurimanzutto, Cidade do México
Leme, São Paulo
Lemos de Sá, Nova Lima (MG)
Lisson, Londres
Luciana Brito, São Paulo
Luciana Caravello, Rio de Janeiro
Luisa Strina, São Paulo
Lume, São Paulo
Lurixs:, Rio de Janeiro
Manoel Macedo, Belo Horizonte
Marcelo Guarnieri, Ribeirão Preto
Marcia Barrozo do Amaral, Rio de Janeiro
Marilia Razuk, São Paulo
Mendes Wood DM, São Paulo
Mezanino, São Paulo
Michael Werner, Nova York
Millan, São Paulo
Mul.ti.plo, Rio de Janeiro
Murilo Castro, Belo Horizonte
El Museo, Madri
Nara Roesler, São Paulo
neugerriemschneider, Berlim
Studio Nobrega, São Paulo
Oscar Cruz, São Paulo
Other Criteria, Londres
Paulo Darzé, Salvador
Paulo Kuczynski, São Paulo
Pequena Galeria/Mario Cohen, São Paulo
Piero Atchugarry, Pueblo Garzón
Pinakotheke, Rio de Janeiro
A Ponte, São Paulo
Rabieh, São Paulo
Raquel Arnaud, São Paulo
Referência, Brasília
Ricardo Camargo, São Paulo
Roberto Alban, Salvador
Ronie Mesquita, Rio de Janeiro
Silvia Cintra + Box 4, Rio de Janeiro
SIM, Curitiba
Simões de Assis, Curitiba
Steiner, São Paulo
SUR, Montevideo
Stephen Friedman, Londres
Vermelho, São Paulo
White Cube, Londres
Ybakatu, Curitiba
Zipper, São Paulo

Setor Solo
Arredondo/Arozarena, México
BFA (Boatos Fine Arts), São Paulo
Casas Riegner, Bogotá
Emma Thomas, São Paulo
Espaivisor, Valência
LAMB Arts, Londres
Lisa Bird, Viena
Nicodim, Los Angeles
Plan B, Berlim
Portas Vilaseca, Rio de Janeiro
PSM, Berlim
Richard Saltoun, Londres
Sé, São Paulo
SLOWTRACK, Madri
Wagner + Partner, Berlim
WARM, São Paulo.

Showcase
Andrea Rehder Art Contemporânea, São Paulo
Collage Habana, Havana
Inox , Rio de Janeiro
k2o, Brasília
Mamute, Porto Alegre
Mezanino, São Paulo
MUV, Rio de Janeiro
PASTO, Buenos Aires
Pilar, São Paulo
Room 8, São Paulo
Rosa Barbosa, São Paulo
Sergio Gonçalves, São Paulo
Superficie, São Paulo

Open Plan
Fonti, Napoli
Jaqueline Martins, São Paulo
Luciana Brito, São Paulo
ProjecteSD, Barcelona
Rodeo, Londres
Simon Preston, Nova York
Sprovieri, Londres
Ultravioleta, Cidade da Guatemala
Vermelho, São Paulo
|
Mais informações:
Feira Internacional de Arte de São Paulo - SP-Arte
Pavilhão da Bienal
Parque do Ibirapuera, Portão 3
Pré-estreia VIP e imprensa: 06/04/16
Dias 7, 8 e 9/04/16 – das 13h às 21h; 10/04/16,– das 11h às 19h
Entrada: R$ 40,00 e R$ 20,00 (meia).

Marcius Galan lança livro na Galeria Luisa Strina +

O Artista Marcius Galan lança em 18/02/16, às 19h, na galeria Luisa Strina, “Seção”, primeira monografia sobre sua produção. Tendo como ponto de partida a ideia de fragmento, extraído de sua própria produção, a publicação é organizada por Rodrigo Moura, que produziu um ensaio distribuído ao longo do livro, de modo a criar diferentes capítulos e blocos de imagens temáticos.
Divididos em quarto polos de interesse de Galan, design, arquitetura, escultura e desenho, o livro também traz uma entrevista do artista concedida a curadora e pesquisadora Kiki Mazzucchelli, que procura dar conta de aspectos decisivos de sua obra ao revisitar trabalhos do início de carreira e apontar para temas como funcionalidade e a subversão dos sistemas de representação, que atravessam toda a sua obra. Um texto de Manuel Cirauqui ‘A área de Marcius’ observa o ateliê do artista e suas ferramentas como modelo para compreensão de sua linguagem.
|
Mais informações:
Galeria Luisa Strina
Jardins: r. Padre João Manuel, 755, tel. (11) 3088-2471. Seg. a sex., 10h/19h; sáb., 10h/17h. www.galerialuisastrina.com.br

Casa Contemporânea realiza workshops de livro de artista e de fotografia +

A artista Fabiola Notari realiza entre 23/02/16 e 05/07/16 o grupo de estudos “Livros de Artista, Livros-objetos: entre Vestígios e Apagamentos” na Casa Contemporânea, em São Paulo. Os encontros visam desenvolver pesquisas nas diferentes linguagens do livro de artista na arte contemporânea, os materiais de produção, além do estímulo à produção aliada a reflexões sobre o livro, o tempo, a memória, o esquecimento. As aulas ocorrem às terças-feiras, das 10h às 13h, e o investimento é de R$ 200, para duas vezes ao mês num total de 27h; ou R$ 100, para uma vez ao mês num total de 15h.
Já Suzana Boccacino oferece nos dias 16, 23/02 e 01/03/16, às terças-feiras, das 14h às 17h, o “Workshop Fotografia de Processos Alternativos” que visa transmitir o conhecimento através de experimentações de processos fotográficos dos séculos 19 e 20, utilizando a técnica da goma bicromatada e construção de papéis fotográficos. Investimento de R$ 350 com material químico incluso (kit de goma arábica e bicromato de potássio). Carga horária de 09h. Os interessados nos cursos podem fazer inscrições pelo telefone (11) 2337-3015 ou site www.casacontemporanea370.com .
|
Casa Contemporânea
Vila Mariana: rua Capitão Macedo, 370, tel. 2337-3015. São Paulo - SP.
www.casacontemporanea370.com

Ana Magalhães ministra ciclo de conversas na Galeria Mezanino +

A Galeria Mezanino, em São Paulo, recebe a partir de 23/02/16 Ana Magalhães, historiadora, curadora e professora do MAC- USP, para o ciclo de "Conversas Sobre Arte Contemporânea" em quatro encontros, que ocorre as terças e quintas-feiras, das 19h às 21h. Investimento de cada módulo R$ 250; os quatro módulos R$800. Confira o cronograma:
|

23/02/16 - O que é Arte, Hoje?
A partir de uma perspectiva histórica, a conversa debate o que se entendo por arte hoje e sua vinculação em certo discurso sobre as práticas artísticas no ocidente.

25/02/16 - A Circulação da Arte
Discute, sempre, a partir de uma perspectiva histórica, a emergência de um sistema da arte, no século XX, atrelado a uma economia dos bens culturais e artísticos – a emergência do mercado de arte.

01/03 /16 - O Papel do Curador
Trata-se da figura do curador independente e da transformação da noção de curadoria no mundo da arte contemporânea, em contraposição à curadoria de acervos e coleções.

03/03/16 - História das Exposições
Abordará aqui a emergência das mostras temporárias de arte contemporânea [que tem por modelo as exposições de tipo Bienal] e seu papel na formação de um sistema internacional de arte contemporânea.
|
Mais informações:
galeria Mezanino
Pinheiros: r. Cunha Gago, 208, estação Faria Lima do Metrô, tel. (11) 3436-6306. São Paulo -SP.
www.galeriamezanino.com

Prêmio Brasil Fotografia 2015 anuncia vencedores em cinco categorias +

O Prêmio Brasil Fotografia 2015 anunciou a lista dos vencedores nas cinco categorias desta 15ª edição da premiação, uma da mais tradicionais do Brasil. A comissão de seleção, formada por Ana Maria Belluzzo, Cildo Oliveira, Cristiano Mascaro, Lucia Py e Ronaldo Entler, avaliou 796 propostas habilitadas, entre as quase 1.500 inscrições. Os vencedores participarão de exposição em junho, no Espaço Cultural Porto Seguro, em São Paulo, quando ocorre a cerimônia de premiação. O fotojornalista carioca Evandro Teixeira (foto) foi escolhido para ser homenageado com o Prêmio Brasil Fotografia Especial. A paulistana Leticia Ranzani levou o Prêmio Brasil fotografia Revelação. Luiz Baltar, do Rio de Janeiro, foi o ganhador na categoria Ensaio Impresso e o paulistano Marlos Bakker, da categoria Ensaio Multimeios. Leo Caobelli, do Rio Grande do Sul, e Dirceu Maués, de Minas Gerais, foram premiados com bolsas para desenvolvimento de projetos. A edição também concedeu seis menções honrosas. Thelma Vilas Boas, do Rio de Janeiro, e Ricardo de Abreu Neves, do Rio Grande do Sul, receberam menções na categoria Ensaio Multimeios; Bárbara Wagner, do Pernambuco, Diego Lajst, Edu Simões e Ligia Jardim, de São Paulo, receberam menção na categoria Ensaio Impresso.

Confira os vencedores em cada categoria:

PRÊMIO BRASIL FOTOGRAFIA ESPECIAL - Evandro Teixeira (R$ 50.000,00 - cinquenta mil reais).

PRÊMIO BRASIL FOTOGRAFIA ENSAIO IMPRESSO - Luiz Baltar (R$ 35.000,00 - trinta e cinco mil reais).

PRÊMIO BRASIL FOTOGRAFIA ENSAIO MULTIMEIOS - Marlos Bakker ((R$ 35.000,00 - trinta e cinco mil reais).


PRÊMIO BRASIL FOTOGRAFIA BOLSA DE DESENVOLVIMENTO DE PROJETO - Leo Caobelli e Dirceu Maués (R$ 20.000,00 - vinte mil reais, cada um).

PRÊMIO BRASIL FOTOGRAFIA REVELAÇÃO - Leticia Ranzani (R$ 15.000,00 - quinze mil reais).

MENÇÃO ENSAIO MULTIMEIOS - Thelma Vilas Boas e Ricardo de Abreu Neves.

MENÇÃO ENSAIO IMPRESSO - Bárbara Wagner, Diego Lajst, Edu Simões e Ligia Jardim.
|
Mais informações: www.premiobrasilfotografia.com.br/

Belas Artes e SP-Arte selecionam performances para apresentações diárias +

O Centro Universitário Belas Artes de São Paulo, em parceria com a SP-Arte, Feira Internacional de Arte de São Paulo, que acontece entre os dias 07 e 10/04/16, no Pavilhão da Bienal, vai selecionar dez performances que serão apresentados todos os dias da feira. Podem se inscrever artistas e estudantes de arte de todo o Brasil, através de envio de dossiê digital (memorial descritivo, fotografia e link do portfólio) para o e-mail: artes@belasartes.br, até 26/02/16. Os trabalhos serão avaliados por uma comissão julgadora composta por Cauê Alves, Fernanda Feitosa e Solange Farkas.
Os dois melhores trabalhos receberão prêmios – o primeiro lugar vai ganhar dois meses de residência artística (no período de 8/08 a 3/10/16) no Instituto Sacatar, localizado na Ilha de Itaparica, na Bahia. O segundo lugar receberá uma bolsa de estudos para um curso de pós-graduação no Centro Universitário de São Paulo. É o segundo ano consecutivo que o Centro Universitário Belas Artes promove o Setor Performance da feira. O regulamento completo está disponível no link: http://www.belasartes.br/noticias/conteudo/1826/edital.pdf

Rosângela Rennó, Sérgio Sister, Nazareno e outros brasileiros no exterior +

A mostra “The Illusive Eye – An International Survey of Kinetic and Op Art”, em cartaz no Museo del Barrio de Nova York até 21/5, apresenta obras de artistas de 17 países, entre eles Argentina, Brasil, Chile, Colombia, Cuba, Hungria, Japão, Itália, Uruguai, EUA e Venezuela. Entre os brasileiros presentes estão Judith Lauand, Lygia Clark, Hermelindo Fiaminghi, Almir Mavignier, Hélio Oiticica, Abraham Palatnik e Lygia Pape. A mostra conta ainda com obras de Julio Le Parc, Martha Boto, Ana Sacerdote, Eduardo MacEntyre, Horacio García Rossi, Luis Tomasello, Gego, Alejandro Otero, Carlos Cruz Diez, Antonieta Sosa, Josef Albers, Richard Anuszkiewicz, Alberto Biasi, Karen Hewitt, Bridget Riley, Frank Stella, Victor Vasarely e Jesús Rafael Soto, entre outros. A curadoria é de Jorge Daniel Veneciano, diretor-executivo do Museo del Barrio e autor do livro “The Geometric Unconscious: A
|
O artista paraense radicado em Londres Tonico Lemos Auad (Galeria Luisa Strina) realiza mostra individual no De La Warr Pavilion, em Bexhill, na Ingleterra, até 10/4/16.
|
Alexandre da Cunha, Marcius Galan, Fernanda Gomes, Jac Leirner, Rodrigo Matheus, Ana Mazzei, Maria Nepomuceno, Lucas Simões e Erika Verzutti participam de mostra coletiva na Lora Reynolds Gallery, em Austin (EUA) até 26/3/16. A mostra é curada por Lea Weingarten.

|
Clarissa Tossin (Galeria Luisa Strina) participa da mostra coletiva “Customizing Language”, no Los Angeles Contemporary Exhibitions, até 14/2/16. A curadoria é de Idurre Alonso e Selene Preciado. Os artistas participantes se envolvem com questões locais e históricas através do uso de uma linguagem experimental para criar um diálogo com o público, explorando questões de “custom” (alfândega) como tradição cultural.

|
O artista paulista Arthur Lescher (Galeria Nara Roesler) apresenta a instalação site specific “Inner Landscape” na Piero Atchugarry Gallery, em Pueblo Garzón, no Uruguai, até 10/4/16.
|
Alexandre Brandão (Galeria Leme) participa da mostra “Experimentos com o Acaso” na MDM Gallery, em Paris, até 12/03/16.
|
Mauro Piva (Galeria Leme) realiza mostra individual na Galeria Enrique Guerrero, na Cidade do México, até 2/3/16. O artista realiza ainda, junto com Felipe Cama (também da Galeria Leme), a mostra “Abstração”, na Galeria Fernando Pradilla, em Madri, até 19/3/16.
|
A The Photographers Gallery apresenta a instalação Rio-Montevidéu, da artista carioca Rosângela Rennó, em Londres até 3/4/16. A obra apresenta imagens do arquivo do extinto jornal uruguaio “El Popular”.
|
Sandra Cinto (Casa Triângulo) realiza até 5/3/16 a mostra individual “Chance and Necessity” no West Gallery do USF Contemporary Art Museum em Tampa, EUA. A curadoria é de Noel Smith. Chance and Necessity é constituida por paisagens criadas a partir de dois elementos básicos: o acaso e a necessidade do desenho enquanto forma de expressão. Nesta nova série, fruto de um período de 60 dias no Japão a convite do Aomori Art Centre, a artista aprofundou sua pesquisa sobre arte oriental e sua influência no ocidente, e na estética japonesa, em especial as paisagens. Serão apresentadas três telas inéditas e uma série de cinco fotogravuras em grande formato desenvolvidas no mês de outubro no GraphicStudio-Institute for Research in Art at the University of South Florida, Tampa.
|
O fotógrafo paulistano Caio Reisewitz (Luciana Brito Galeria de Arte) participa a partir de 15/1/16 da mostra coletiva “Histórias/Histories: Contemporary Art from Brazil, no University of South Florida Contemporary Art Museum de Tampa, na Flórida (EUA). A curadoria é de Noel Smith e de Agnaldo Farias.Fica em cartaz até 5/3/16.
|
A fotógrafa Claudia Jaguaribe inaugura em 21/1/16, na Basiléia (Suíça), uma exposição individual que ocupa os três andares da Fundação Brasilea. Serão apresentadas diferentes abordagens sobre os temas: natureza e urbanidade, de uma seleção dos diversos trabalhos da artista. Um painel gigante faz referência ao desmatamento, enquanto as séries Entre Morros e Topografias repensam a relação das cidades com a paisagem. Serão exibidas ainda as séries Homenagem a Hélio, sobre os restos de construção encontrados nas favelas do Rio de Janeiro e Cactoceae, uma apropriação da natureza por azulejos que remetem ao aquecimento e consequente desertificação da natureza brasileira. A mostra fica em cartaz até 3/3. Na Flórida (EUA), Jaguaribe apresenta parte da série “O Muro” na parede de entrada da mostra “Philondendron: From Pan-Latin exotic to American Modern”. A convite do curador Christian Larsen, Claudia fotografou em 2014 a Mata Atlântica em Minas Gerais e no Rio de Janeiro, a partir de uma perspectiva bem particular que reflete a relação da natureza pela cultura urbana. A exposição fica em cartaz até 28/2/16 no Museu Wolfsonian - Florida International University e inclui trabalhos de artistas como Heinrich Schott, Diego Rivera, Henri Matisse, Georges Braque, Roberto Burle-Marx, Paulo Werneck e Jean Royère.
|
O artista paulista Sergio Sister (Galeria Nara Roesler) inaugura em 23/1/16 em Zurich, na Suíça, a individual “Malen Mit Raum, Schatten Und Luft”. A mostra fica em cartaz até 12/3/16 na Galerie Lange + Pull.
|
Thiago Toes e Rien (Oma Galeria) participam de mostra coletiva na cidade alemã de Gifhorn a partir de 19/1. A exposição é resultado da residência artística que Toes e Rien participaram durante o 13º Internationale Werkstattwoche - um simpósio que contou com a participação de 24 artistas, de nove países, entre pintores, escultores e fotógrafos, que passaram por momentos de convivência comunitária produzindo suas obras.
|
Nazareno (Luciana Caravello Galeria de Arte) participa até 20/2 da mostra “Not & Spiele”, na galeria Haus am Lützowplatz, em Berlim (Alemanha). A mostra contará com mais 17 outros artistas do mundo inteiro.
|
Eduardo Kac está com agenda cheia em 2016. O cyber-erotic artista foi incluído na coletiva “Electronic Superhighway”, que acontece na Whitechapel Gallery, em Londres, entre 29/1 e 15/5. Também participa da mostra “Volatile!”, em cartaz na Poetry Foundation, em Chicago, até 19/2. E ainda apresenta a mostra individual “The Lagoglyph Series” na Geary Contemporary Gallery, em Nova York, até 5/3/16.
|
O artista paulistano Claudio Tozzi realiza entre 23/1 e 24/3/16 sua primeira mostra individual em Londres: “New Figuration The Rise of Pop Art 1967-1971”, parceria da galeria Almeida e Dale com a galeria britânica Cecilia Brunson Projects, traz 18 obras do artista feitas no auge da ditadura civil-militar do Brasil. A individual é a primeira de uma série de três exposições feitas em parceria entre as duas galerias que têm por objetivo apresentar ao público britânico a arte moderna e contemporânea do Brasil.
|
Valeska Soares (Galeria Fortes Vilaça) desenvolveu o projeto especial “Time Has No Shadows” para o The Jewish Museum, em Nova York. A curadoria é de Kelly Taxter e Jens Hoffmann. Fica em cartaz até 24/4/16.
|
O coletivo Assume Vivid Astro Focus realiza até 13/3/16 uma intervenção site specific no CAC Contemporary Arts Center, em Cincinnati (EUA).
|
Tomie Ohtake (Galeria Marcelo Guarnieri e Nara Roesler) tem obras na exposição “The World is Our Home. A Poem on Abstraction”, no Para Site, em Hong Kong, até 6/3/16.
|
Mario Cravo Neto (Galeria Marcelo Guarnieri) participa da mostra “A Serene Expectation of Light”, no Rivington Place, em Londres, entre 15/1 e 2/4/16.
|
Angélica Teura (Galeria Marcelo Guarnieri) participa da mostra coletiva “Métodos de Preservación” no Museo de Arte Moderno de Medellín, na Colômbia, até março de 2016.
|
A partir de 10/2/16, o The Olympic Museum, em Lausanne, na Suíça, realiza a mostra “Body and Culture Rio”, com obras de sete artistas brasileiros, entre eles Marcos Cardoso.
|
Luciana Ohira e Sergio Bonilha (Galeria Marcelo Guarnieri) participam da mostra “Viseu 2.0”, na Casa das Memórias, em Portugal, até 17/4/16.
|
O carioca Ricardo Basbaum (Luciana Brito Galeria) participa da mostra coletiva “Control Mode Feedback” em Leipzig, na Alemanha, até 28/2/16.
|
Rivane Neuenswchwander (Galeria Fortes Vilaça) participa da 4ª Trienal Poli/Gráfica de San Juan, em Porto Rico, até 27/2/16. O tema é “Displaced Images/
Images in Space”. Curadoria de Gerardo Mosquera, Alexia Tala e Vanessa Hernández Gracia.
|
Adriana Varejão, Arrigo Barnabé, J. Borges, Sofia Borges, Rodrigo Cass, Adriano Costa, Jonathas de Andrade, Deyson Gilbert, Fernanda Gomes, Marcellvs L., Milton Machado, Montez Magno, Cinthia Marcelle, Thiago Martins de Melo, Rodrigo Matheus, Rodrigo Cass, Cildo Meireles, Pedro Moraleida, Paulo Nazareth, Rivane Neuenschwander, Paulo Nimer Pjota, Sara Ramo, Mayana Redin, Gustavo Speridião, Tunga, Adriana Varejão, Caetano Veloso e Carlos Zilio participam da mostra “Imagine Brazil”, no DHC/ART, em Montreal (Canadá), até 13/3/16. Curadoria de Gunnar B. Kvaran, Hans Ulrich Obrist, Thierry Raspail e Cherryl Sim. Haverá ainda um segmento de livros de artistas, com a participação de Marlon de Azambuja, Chiara Banfi, Artur Barrio, Debora Bolsoni, Waltercio Caldas, Felipe Cohen, Marilá Dardot, Detanico Lain, Ana Luiza Dias Batista, Marcius Galan, João Loureiro, Milton Marques, Lúcia Mindlin, Leya Mira Brander, Fabio Morais, Carlos Nunes, Nicolás Robbio e Lucas Simões. A curadoria deste segmento é de Jacopo Crivelli Visconti e Ana Luiza Fonseca. www.dhc-art.org
|
Alexandre da Cunha (Galeria Luisa Strina) é o convidado do Plaza Projects, no MCA Chicago (EUA), até 24/7/16. Ele ainda participa da mostra “British Art Show 8”, coletiva curada por Anna Colin e Lydia Yee na Leeds Art Gallery, na Inglaterra, até 10/1/2016. O British Art Show é uma exposição itinerante que fornece uma visão geral da arte contemporânea mais interessante produzida no Reino Unido nos últimos cinco anos. Ainda em Londres, realiza mostra individual “Free Fall”, na Thomas Dane Gallery, até 5/3/16. Na cidade do México, o artista figura na mostra coletiva “Camera of Wonders), coletiva curada por Jens Hoffmann no Centro de la Imágen até 14/2/16. As obras foram reunidas a partir da Colección Isabel y Agustín Coppel e da coleção da Kadist Art Foundation.
|

Filme sobre Marina Abramovich e o Brasil é lançado em festival nos EUA +

A relação entre a artista sérvia Marina Abramovic e a espiritualidade brasileira é o tema do road movie “Espaço Além – Marina Abramović e o Brasil” (86 min), dirigido por Marco Del Fiol, que é exibido entre 11 e 20/03/16, no festival SXSW 2016 - South By Southwest, em Austin, Texas, nos EUA.
O filme, que acompanha a busca da artista pela conexão entre arte e espiritualidade, percorre seis mil quilômetros para presenciar experiências como cirurgias de cura realizadas pelo médium João de Deus, em Goiânia; cerimônias e incorporações no Vale do Amanhecer, no Distrito Federal; a força do sincretismo religioso de Salvador; os rituais de ayahuasca na Chapada Diamantina, na Bahia; e processos xamânicos em Curitiba. As experiências pessoais da artista também são captadas no filme, numa viagem interna e pessoal, abrindo ao público as emoções e transformações de sua jornada pelo país.
“Espaço Além – Marina Abramović e o Brasil” é o primeiro longa-metragem de Del Fiol, que já dirigiu produções para artistas como o dinamarquês Olafur Eliasson, o britânico Isaac Julien e o brasileiro Marepe. A dupla de artistas O Grivo assina a trilha sonora do filme, que deve chegar às telas brasileiras em maio deste ano.

MAM anuncia artistas selecionados para os Clubes de Colecionadores de 2016 +

Os Clubes de Colecionadores do MAM-SP (Museu de Arte Moderna de São Paulo), que têm o objetivo de incentivar o colecionismo da arte contemporânea brasileira, apresentam a lista de artistas selecionados para a edição 2016. Nos clubes, os sócios recebem a cada ano cinco obras especialmente criadas por nomes prestigiados, selecionados pelos curadores responsáveis em conjunto com a curadoria do museu. As obras são produzidas em tiragens de 100 exemplares.
No ano em que o Clube de Gravura completa 30 anos e contará com uma mostra no segundo semestre em homenagem ao aniversário, o curador Cauê Alves escolheu os artistas brasileiros Lenora de Barros, Nelson Felix, Cristiano Lenhardt e Brígida Baltar e o argentino Jorge Macchi. Para o Clube de Fotografia, o curador Eder Chiodetto apostou em Geraldo de Barros, Miguel Rio Branco, Yuri Firmeza, Luiza Baldan e Walda Marques.
Para participar dos clubes, os interessados se associam anualmente a um deles e, no final do ano, recebem as cinco gravuras ou as cinco fotografias. A edição é de 117 obras numeradas, das quais cem são distribuídas aos associados, duas são doadas ao acervo do MAM, três são destinadas ao Clube de Colecionadores, além de dez entregues ao artista e duas aos curadores dos clubes.
|
Adesões:
Preço: anuidade de R$ 5.080 por clube (pagamento à vista com 5% de desconto).
Mais informações:
Parque do Ibirapuera - Av. Pedro Álvares Cabral, s/nº, portão 3. Seg. a sex., 10h/18h.
Tel. (11) 5085-1406.
clubes@mam.org.br | www.mam.org.br

Art Basel 2016 terá cinco galerias brasileiras +

A maior feira de arte do mundo, a Art Basel, que acontece em junho na Basileia (Suíça), terá cinco galerias brasileiras em sua ediçãod este ano. naeste ano. As paulistanas Fortes Vilaça e Luisa Strina e a carioca A Gentil Carioca participam da seção principal. As também paulistanas Bergamin & Gomide e Mendes Wood DM comparecem com projetos especiais.

Blau Projects recebe inscrições para 3ª edição do C.LAB Mercosul +

A Blau Projects recebe até 31/03/16 inscrições de jovens curadores de toda a América Latina para a 3ª terceira edição do edital C.LAB Mercosul. A galeria seleciona dois projetos, sendo que cada inscrição é realizada por meio de um curador ou grupo curatorial, em que cada projeto que deve apresentar no mínimo três e no máximo seis artistas. O aporte financeiro é de R$ 15 mil para cada coletivo a ser exposto na Blau, além de promover acesso a novas formas de abordagens e experiências. Nesta edição uma das premiações também será uma residência artística do curador selecionado em Buenos Aires, em instituição portenha reconhecida de gabarito cultural. Os interessados podem acessar o edital na aba “Salões” deste site.
|
Mais informações:
Blau Projets
Vila Madalena: r. Fradique Coutinho, 1.464, tels. (11) 3467-8819 / 8801.
www.blauprojects.com

Plataforma de relacionamento Sinapse é lançada +

Parceria entre o Governo do Estado de São Paulo, a Secretaria de Cultura, o ProAc e a SOLar, a plataforma Sinapse é voltada à otimização das relações e trocas entre artistas e demais envolvidos com artes visuais. Foi lançada em novembro de 2015 - ainda está em fase de ajustes. A proposta é de favorecer o trabalho em rede e o colaborativismo.
É uma rede de relacionamento com ferramentas de comunicação, compartilhamento de conteúdos, divulgação de projetos e uma área de interação voltada especialmente para a troca efetiva entre os membros.
Na plataforma, é possível anunciar, por exemplo, a venda de uma obra, vagas de trabalho, cursos e oficinas, editais e convocatórias e a disponibilidade de um espaço para receber projetos. Os membros podem trocar mensagens particulares, fazer upload de conteúdos, comentar e compartilhar posts e divulgar projetos e eventos por meio de um calendário coletivo.
A ideia é de colocar em contato artistas, curadores, museologistas, pesquisadores, educadores, colecionadores, facilitadores, gestores, produtores, espaços independentes, ONGs, museus, centros de arte, galerias, fornecedores de produtos para artistas, provedores de serviços - transportadoras, cenógrafos, cenotécnicos, agências de comunicação e marketing, promotores, designers, fotógrafos, videomakers, assessores de imprensa, assessores jurídicos -, captadores de recursos, empresas patrocinadoras das artes visuais e, por fim, o público.
Para fazer parte da Sinapse, o usuário deve criar seu perfil adicionando informações pessoais, profissionais e imagens (foto, logo/marca, etc.), site, blogs, Facebook e canais de fotos e vídeos. Com o perfil criado, o usuário pode explorar as ferramentas da plataforma postando, curtindo, comentando e compartilhando conteúdos no “Painel” (fotos, vídeos, textos e links), anunciando em “Oportunidades”, criando “Espaços” ou divulgando eventos e projetos no “Calendário”.
O projeto foi criado por Maíra Endo, que integrou o espaço independente Ateliê Aberto (Campinas) por 12 anos, os últimos seis como idealizadora e coordenadora de projetos.
|
Mais informações:
http://sinapse.art.br
www.facebook.com/plataformasinapse

Documentário Marina Abramović e o Brasil tem estreia nos EUA +

O documentário “Espaço Além – Marina Abramović e o Brasil” (The Space In Between – Marina Abramović and Brazil), dirigido por Marco Del Fiol, será lançado no festival norte-americano SXSW 2016 – South By Southwest, que ocorre entre 11 e 20/03/16 em Austin, no Texas. Captado e produzido no Brasil entre 2012 e 2015, o filme é fruto da parceria da artista sérvia com a produtora Casa Redonda, que também assina a produção da exposição “Terra Comunal – Marina Abramović + MAI”, realizada no ano passado no Sesc Pompeia, em São Paulo. A narrativa aponta Abramović em uma jornada pelo Brasil em busca conexões entre arte e espiritualidade, além de rituais sagrados e comunidades espirituais em meio à natureza brasileira, como as experiências de cura e cirurgias realizadas pelo médium João de Deus, em Abadiânia (GO), em cerimônias e incorporações do Vale do Amanhecer, no Distrito Federal, na força do sincretismo religioso de Salvador, rituais de ayahuasca na Chapada Diamantina (BA) e em processos xamânicos em Curitiba (PR). Além de contar com a produção das irmãs Jasmin e Minom Pinho, direção de fotografia de Cauê Ito, montagem de Marco Korodi e Marco Del Fiol e primorosa trilha sonora original da dupla mineira O Grivo. O filme ainda faz parte da seleção da mostra “Documentary Feature Competition”, como o único título não americano entre os dez selecionados para a categoria.
“Espaço Além – Marina Abramović e o Brasil” chega aos cinemas brasileiros em maio de 2016.
|
Mais informações:
www.espacoalem.com.br
www.facebook.com/thespaceinbetweenfilm

APBA recebe inscrições para Salão Ecológico (SP) +

A Associação Paulista de Belas Artes (APBA) recebe inscrições de artistas até 17/02/16 interessados em participar do Salão Ecológico/2016.
|
Mais informações:
Associação Paulista de Belas Artes
Centro: r. Conselheiro Crispiniano, 53 – 13º. andar, tel.: (11) 3214 -4711. São Paulo -SP

Coletivo Britânico busca artistas brasileiros para compor obra no Sesi (SP) +

O Sesi-SP e o British Council recebem inscrições até 15/02/16 para workshop e processo criativo do coletivo britânico Marshmallow Laser Feast – MLF, que busca artistas brasileiros para compor a obra digital “Dividing Lines”, que será exposta na Galeria de Arte Digital SESI-SP a partir de 03/03/16. O workshop é gratuito e ocorre entre 03/03/16 a 16/03/16, das 10h às 18h, no prédio do Sesi, e é destinado a fotógrafos, videomakers, arquitetos, escritores e profissionais de áudio, mesmo com pouca experiência. O resultado será publicado em 17/02/16. “Dividing Lines” é uma obra de arte pública sobre as paisagens ao redor da cidade de São Paulo, onde o coletivo MLF trabalhará a construção com artistas locais, explorando São Paulo na busca de lugares de contraste dentro da cidade. As inscrições podem ser feitas pelo site: www.sesisp.org.br/cultura/galeria-de-arte-digital-sesi-sp-workshop.htm . 15 vagas.
|
Mais informações:
Sesi-SP
Cerqueira César: av. Paulista, 1.313, estação Trianon-Masp do Metrô, tels. (11) 3146-7405 / 7406. São Paulo -SP.
www.sesisp.org.br/centrocultural
www.marshmallowlaserfeast.com

Tiradentes (MG) recebe 6º Festival de Fotografia +

O Festival de Fotografia de Tiradentes – Foto em Pauta chega à sexta edição. Entre os dias 09 e 13/03/16, a histórica cidade mineira vira palco de diversas exposições, workshops, palestras, debates, leituras de portfólio, projeções de fotografias e atividades educativas. Participam 30 profissionais de renome nacional e internacional. As inscrições para as 14 palestras gratuitas e os 12 workshops podem ser feitas no hotsite www.fotoempauta.com.br/festival2016/workshosp. Os eventos são concentrados no Centro Cultural Yves Alves, na Rua Direita, 168.
|
Mais informações:
www.fotoempauta.com.br/festival2016

Cirton Genaro e Walter Miranda realizam palestras na Oca +

Os professores e artistas Cirton Genaro e Walter Miranda realizam entre 09/03 e 23/03/16 um ciclo de palestras, como parte da programação de Oficina de Criatividade e Arte, na Oca em São Paulo. Em 09/03, das 14h às 17h, ou das 19h às 22h, Walter Miranda instiga a conversa “Arte, Por quê?” sobre a expressividade humana desde a pré história até os dias atuais. Já em 23/03, das 14 às 17h, Cirton Genaro comanda “Os Materiais de Pintura” e fala sobre o uso dessa técnica desde a Renascença ao contemporâneo. Os interessados podem fazer inscrição pelo telefone (11) 5084 -0849 ou o email info@atelieoca.com.br . Investimento de R$ 60 por palestra.
|
Mais informações:
Oca | Pavilhão Lucas Nogueira Garcez
Parque Ibirapuera: av. Pedro Álvares Cabral, s/n°, portão 3, tel. (11) 3241-1082, ramal 104, e 5082-1777. São Paulo - SP.

Nova obra de Siron Franco discute aquecimento global +

O artista plástico goiano Siron Franco criou uma obra em que discute o aquecimento global. A fotografia com intervenção “Museu do Amanhã + 2ºC“ apresenta uma simulação de como ficará o recém inaugurado Museu do Amanhã, no Rio de Janeiro, e imediações caso o planeta se aqueça em 2ºC. “O museu deveria ter sido conrtuído em Santa Teresa”, brinca o artista.

Associação Paulista de Belas Artes oferece vários cursos +

A Associação Paulista de Belas Artes, em São Paulo (SP), realiza uma série de cursos ao longo de 2016. Confira a programação.

|

Segundas-feiras
- 9h/12h; 14h/17h; e 18h/20h30. Desenho e Pintura. Com Fabio Haibara, especialista em natureza-morta.

Terças-feiras
- 14h/17h e 17h30/20h. Desenho e Pintura à Óleo – Aquarela. Com José Carlos Acerbi.
- 9h30/12h30; 13h30/16h30; e 17h/20h. Desenho e Pintura. Com Carmelo Gentil.

Quartas-feiras
- 9h/12h. Desenho e Pintura. Com Fabio Haibara, especialista em natureza-morta.
- 13h/16h. Desenho e Pintura (3ª Idade). Com Anna Canfora, especialista em paisagens.

Quintas-feiras
- 9h/12h. Retrato. Ademir Cruz.
- 9h/12h. Desenho e Pintura. Com Carmelo Gentil.

Sextas-feiras
- 9h/12h. Desenho e Pintura. Com Ademir.
- 9h/12h. Aquarela. Com Luiz Zeminian. Quinzenal.
- 14h/17h. Sueli Finoto. Cerâmica.
- 17h30/20h. Desenho e Pintura. João Alves.

Sábados
- 9h/12h. Desenho, Pintura e Quadrinhos - Óleo, Aquarela, Carvão. Com João Alves.

Modelo Vivo
Quartas-feiras, 14h30/16h30.
Quintas-feiras, 14h30/16h30 e 18h30/20h30.

|

Associação Paulista de Belas Artes – São Paulo (SP)
Centro: r. Conselheiro Crispiniano, 53, 13º andar, tels. (11) 3214-4711 / 98195-9148

Oma Galeria realiza 2ª edição do Arte Performativa: Corpo e Espaço +

A Oma Galeria, de São Bernardo do Campo, realiza a segunda edição do Arte Performativa: Corpo e Espaço, com apresentações de performances de Renan Marcondes, em 29/01/16, às 20h, e de Maíra Vaz Valente, em 13/03/16, ás 20h.
“Objeto indireto”, obra de Renan Marcondes (artista selecionado no 7º Salão dos Artistas sem Galeria), conta com uma mesa de estudos repleta de objetos que se confunde com um jogo de bilhar. O público é convidado a empurrar os objetos com uma vareta, fazendo-os cair e tornarem-se públicos.
Diante do urgente debate sobre a maior crise hídrica da região Sudeste, a artista Maíra Vaz Valente propõe em “Mais sobre Contenção e Transbordo” um posicionamento poético acerca da situação das águas nos centros urbanos. Na obra, a artista busca da situação dos rios de São Bernardo do Campo próximos à OMA Galeria.
|
Mais informações:
Oma Galeria
Centro: r. Carlos Gomes, 69, São Bernardo do Campo, SP. tel. (11) 4128-9006. Seg. a sex., 10h/19h; sáb., 10h/14h. www.omagaleria.com

5ª Frieze New York recebe em maio 202 galerias de 31 países +

A quinta edição da Frieze New York volta ao Parque da Ilha de Randall, em Manhattan, entre os dias 05 e 08/05/16. Com vista para o East River, 202 galerias de 31 países trazem os mais emocionantes artistas da arte contemporânea do mundo. Entre as brasileiras estão, na seção principal, A Gentil Carioca, Casa Triângulo, Galeria Fortes Vilaça, Mendes Wood DM e Vermelho. Na seção Frame comparece a Galeria Jaqueline Martins e na seção Spotlight, as galerias Raquel Arnauld, Baró e Nara Roesler, que trazem mostras de Sergio Camargo, Felipe Ehenberg, e Abraham Palatnik, respectivamente.

Em uma estrutura criada sob medida para a experiência da arte, curadores como Cecilia Alemani (High Line Art, Nova York), Clara M Kim (Tate Modern), Jacob Proctor (Neubauer Collegium para a Cultura e Sociedade na Universidade de Chicago), Fabian Schöneich (Portikus, Frankfurt) e Tom Eccles ( Center for Curatorial Studies, Bard College, New York), assinam seções dedicadas a solo shows e programas inovadores, além de debates e palestras.

A seção Projetos Frieze, sob curadoria de Cecilia Alemani, vai prestar homenagem a Daniel Newburg Gallery de NY, uma galeria que nos anos 80 e início dos anos 90 foi conhecida por levar lendários artistas europeus para os EUA.

|
Mais informações:
friezenewyork.com/

Referência Galeria celebra 21 anos com extensa programação +

Pioneira da arte contemporânea em Brasília, a Referência Galeria de Arte completa em 21 anos de atividades em 2016, e para celebrar a data prepara uma programação ao longo do ano. São mostras individuais e coletivas, lançamentos de livros, participações em feiras de galerias de arte e realização de mostras em espaços públicos, como no Museu Nacional do Correios, também em Brasília. Fundada em 1995 pela marchand Onice Moraes, a Referência Galeria de Arte também tem como sócio Paulo Oliveira, representando e comercializando trabalhos de artistas contemporâneos de Brasília e do país, como Francisco Galeno, Ralph Gehre, Gê Ortohf, Virgílio Neto, André Santangelo, Carlos Vergara, Paulo Whitaker, Pitágoras, Marcelo Solá, entre outros.
|
Mais informações:
Referência Galeria de Arte
Asa Norte: CLN 205, bloco A, loja 9, tels. (61) 3361-3501 / 8162-3111. Seg. a sex., 12h/19h; sáb., 12h/17h. www.referenciagaleria.com.br

Escola São Paulo realiza curso Empreendedorismo Consciente +

A partir da percepção de que os modelos de se fazer negócios estão mostrando resultados negativos, alguns economistas e teóricos têm publicado ensaios sobre a urgência da mudança de paradigmas. O curso “Empreendedorismo Consciente”, na Escola São Paulo, de 22 a 25/02/16, das 19h30 às 22h30, tem como objetivo discutir essa questão. O preço é de três parcelas de R$ 400. A atividade é formatada para um grupo de no máximo cinco alunos.
Os ministrantes são Isabella Prata (fundadora da Escola São Paulo, empreendedora cultural e pesquisadora; na foto acima), Beatriz Aquino (formada em Administração de Empresas pela FGV, coordena o departamento de Conteúdo e o departamento Comercial da Escola São Paulo) e Julia Cavalcante (formada em Administração de Empresas pela FGV, coordena o departamento Financeiro e Administrativo da Escola São Paulo).
São abordadas questões como:
- como aumentar a qualidade de vida sem esbarrar nos limites físicos do planeta.
- a má distribuição de renda afeta negativamente o bem-estar.
- indicadores de saúde física e emocional estão negativamente correlacionados com a desigualdade.
Em 16/02/16, das 20h às 21h, ocorre uma conversa gratuita sobre o tema do curso com Isabella Prata.
|
Escola São Paulo
Jardins: r. Augusta, 2.239 e 2.074, tel. (11) 3060-3636.
www.escolasaopaulo.org